Coronavírus: remessas de PCs caíram 12,3% no 1º trimestre de 2020

As vendas mundiais totalizaram 51,6 milhões de unidades no período

Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

atualizado 20/04/2020 16:31

Após três trimestres consecutivos de crescimento, o mercado mundial de PCs experimentou seu maior declínio desde 2013 devido ao surto do novo coronavírus. As vendas mundiais de PCs totalizaram 51,6 milhões de unidades no primeiro trimestre de 2020, o que representa uma redução de 12,3% em relação ao mesmo período de 2019, de acordo com o Gartner, Inc., líder mundial em pesquisa e aconselhamento para empresas.

“O fator mais significativo para o declínio das remessas de PCs foi o surto de coronavírus, que resultou em interrupções na oferta e na demanda de computadores”, diz Mikako Kitagawa, diretora de pesquisa do Gartner. “Após o primeiro bloqueio na China, no final de janeiro, houve um menor volume de produção de PCs em fevereiro que se transformou em desafios logísticos”, afirma. Leia mais no Hardware, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias