Procon fará reunião com o Palmeiras para retirar rede da arquibancada

O objeto de discórdia tem sido muito criticado pelos torcedores visitantes no Allianz Parque devido ao péssimo campo de visão

Reprodução/TwitterReprodução/Twitter

atualizado 14/08/2019 18:07

Não é de hoje que torcedores dos times visitantes no Allianz Parque, estádio do Palmeiras, reclamam do tratamento recebido no local e o Procon-SP, enfim, parece disposto a acabar com esse impasse. Nesta quarta-feira (14/08/2019), o órgão de defesa do consumidor informou o agendamento de uma reunião com o presidente do Alviverde, Maurício Galiotte, para a próxima sexta-feira (16/08/2019). A intenção do encontro é propor a retirada da rede de proteção instalada no setor visitante do estádio e encontrar uma nova solução.

Desde o início do ano, o Palmeiras adota como forma de segurança o uso de uma rede branca à frente da arquibancada dos visitantes. De acordo com o clube, a saída foi sugerida pela Polícia Militar do estado para evitar que objetos continuassem a ser arremessados no setor inferior, ocupado por palmeirenses.

No domingo passado, torcedores do Bahia foram às redes sociais criticar o tratamento no estádio em duelo pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em junto, o presidente do Conselho Deliberativo do Athletico-PR, Mario Celso Petraglia, também disparou contra a medida.

“Por essa situação ridícula, uma jaula confinando torcedores, que somos favoráveis à torcida humana!”, disparou o dirigente. A torcida humana – sem espaço específico para visitante – citada por ele, porém, também já foi revista pelo Furacão.

O Palmeiras voltará a jogar no Allianz Parque somente no dia 10 de setembro, contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro.

 

Últimas notícias