Jornalistas batem boca no Twitter após jogo do Santos na Libertadores

Paulo Vinicius Coelho e Renato Maurício Prado discutiram na rede social após classificação da equipe paulista

atualizado 14/01/2021 22:13

Divulgação

Vez ou outra, as redes sociais viram palco de brigas entre jornalistas esportivos. Recentemente, Renato Maurício Prado, que já atuou nos canais Globosat e estava na Fox Sports, se engalfinhou virtualmente com Rafael Rezende, do SporTV. Nessa quarta-feira (13/1), após a classificação do Santos à final da Libertadores, o mesmo RMP se desentendeu com Paulo Vinicius Coelho, também do canal do grupo Globo.

A discussão começou quando Prado argumentou que a troca de comando técnico foi crucial para a chegada do Santos à final. O clube trocou o português Jesualdo Ferreira por Cuca.

“Pergunta a ser feita à turma que acha que não se pode trocar treinador com pouco tempo de trabalho, por pior que seja: Palmeiras e Santos teriam chegado à final da Libertadores com o Pofexô e o Jesualdo?”, postou no Twitter.

PVC entendeu a postagem como uma provocação. O jornalista do SporTV critica que os clubes brasileiros avaliam os trabalhos de treinadores baseados em pouquíssimas partidas. E rebateu com números, argumentando que de 61 campeonatos brasileiros, apenas 14 foram conquistados por clubes que mudaram de comando no meio da competição.

Renato discordou e PVC rebateu:

“Renato. Não há ciência exata. Eu nunca disse que isto é exato. Mas pode apostar que você nunca vai me ver desprezando informação. Nem trabalho. Você já contou quantos trocaram de técnico e não venceram. Vou deixar você apurar essa sozinho”, disse.

Os dois ainda trocaram farpas, mas a discussão não se alongou. Os “brigões” dividiram a bancada de atrações na Fox Sports. Renato Maurício Prado está afastado da televisão.

Vídeos
Últimas notícias