Escritor usa obra de Shakespeare para falar sobre poder na Câmara Legislativa

Especialista no autor inglês, Theófilo Silva vai associar a ficção dos clássicos à realidade no Brasil e no mundo atuais

atualizado 25/11/2015 19:53

Ambição, traição e jogo de poder são o combustível de várias obras de William Shakespeare. Textos como “Hamlet”, “Rei Lear” e “Othelo” ganharam inúmeras versões (no alto, Kenneth Branagh no filme “Hamlet” de 1997) e se tornaram referências tão fortes no assunto que o escritor Theófilo Silva consegue enxergar suas influências nos roteiros de “Chaves”, “A Culpa É das Estrelas”, “House of Cards” e “Rei Leão”.

Estudioso da literatura do bardo inglês, autor dos livros “A Paixão Segundo Shakespeare” e “Shakespeare Indignado”, Silva vai expor seus pontos de vista no auditório da Assembleia Legislativa do Distrito Federal. Deputados, servidores e visitantes que se prontificarem a estar no local  às 10h, poderão entender, por exemplo, a corrupção através de Hamlet, a importância do Estado de direto por meio de “Medida por Medida”  ou sobre manipulação das massas a partir de “Marco Antonio”.

Theófilo Silva é autor de dois livros em torno da obra de Shakespeare *Divulgação*
Theófilo Silva é autor de dois livros em torno da obra de Shakespeare *Divulgação*

“Propomos algo diferente, ousado, arrojado, discutir as leituras de Shakespeare  sobre o poder, sobre a política.  Afinal, como bem disse o bardo inglês, ‘uma pessoa é única ao estender a mão, e ao recolhê-la inesperadamente torna-se mais uma. O egoísmo unifica os insignificantes’”, explica Theófilo Silva.

A palestra é organizada pelo Sindicato dos Escritores do DF (Sindescritores), em parceria com a Gestão Estratégica, o Conselho Curador de Cultura e a Elegis-DF. Marcos Linhares, presidente do sindicato, conta que a ideia nasceu da leitura de “Shakespeare Indignado’, em que temas da atualidade são abordados por meio de um diálogo com a obra do autor inglês.

“Em tempos em que tanto criticam as casas legislativas, acreditamos que, pelo contrário, elas também podem servir para abrigar discussões abrangentes, de alto nível, sobre grandes temas de interesse da sociedade que representam”, defende Linhares.

O Poder e o Poder Político em Shakespeare — Palestra com Theófilo Silva (autor dos livros “A Paixão Segundo Shakespeare” e “Shakespeare Indignado”)
Dia 26/11, às 10h, no Auditório da Câmara Legislativa do DF. Entrada franca.

Mais lidas
Últimas notícias