*
 

Um motorista furou o bloqueio de uma blitz nesta quarta-feira (16/5), no Lago Sul. De acordo com a Polícia Militar do DF, o homem ignorou a ordem de parada. Ele estava com sinais de embriaguez, quase atropelou um policial e foi perseguido por militares do Batalhão de Trânsito até colidir com outro carro, no sinal vermelho do cruzamento da QI 15.

Quando foi abordado, os policiais constataram que o condutor apresentava sintomas de ingestão de bebida alcoólica: olhos vermelhos e fala arrastada. Várias latinhas de cerveja também foram encontradas dentro do veículo.

O acidente ocorreu por volta das 0h30. O condutor do KIA Soul, de 54 anos, colidiu na traseira de um veículo Toyota Corola. O motorista do Corola e outros quatro passageiros ficaram feridos e foram transportados pelo Corpo de Bombeiros a hospitais do DF. Eles estavam com dores no corpo, mas conscientes e estáveis.

Após se recusar a fazer o teste do bafômetro, o homem que estava no KIA Soul foi conduzido para a 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul). No Instituto de Medicina Legal (IML), foi submetido a teste clínico, que comprovou a ingestão de bebida alcoólica. A verficação para o condutor do Corola deu negativo.

Segundo a PM, o causador do acidente foi autuado dentro das novas regras da Lei Seca. Desde abril, foram ampliadas as penas mínimas e máximas para o condutor de veículo automotor que provocar, sob efeito de álcool e outras drogas, acidentes de trânsito com morte considerada homicídio culposo (quando não há a intenção de matar) ou lesão corporal grave ou gravíssima.

Veja imagens:

Outro acidente
Na noite de terça (15), por volta das 23h30, outro acidente foi registrado pelos bombeiros em frente ao Terminal de Embarque 2 do Aeroporto de Brasília. Um carro capotou e cinco pessoas ficaram feridas.

As vítimas receberam atendimento do CBMDF no local do capotamento e foram transportadas ao Instituto Hospital de Base (IHB) com pequenas escoriações.

 

 

COMENTE

acidentelei secaPMDFBafômetro
comunicar erro à redação

Leia mais: Trânsito