PMDF salva mãe e filho ameaçados por homem armado com faca

Pai e companheiro das vítimas, acusado foi preso pela Polícia Militar após 3h de negociação. Caso ocorreu no Setor Habitacional Lucio Costa

atualizado 31/10/2020 22:38

Divulgação/PMDF

Uma operação da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), na madrugada deste sábado (31/10), salvou a vida de uma mulher e o filho, de 2 anos. Ambos eram ameaçados pelo companheiro da vítima, que, armado com uma faca, entregou-se após mais de três horas de negociação.

Segundo informações da corporação, a equipe deslocou-se ao Setor Habitacional Lucio Costa, no Guará, para averiguar uma ocorrência de violência doméstica.

Chegando ao endereço, por volta das 23h, a equipe encontrou a mulher, gritando por socorro da janela do primeiro andar do prédio. Ela dizia que o companheiro estava com uma faca, ameaçando-a de morte, além da criança.

0

A equipe entrou na portaria do prédio e, na escada de acesso ao 1° andar, percebeu quando a mulher aproveitou a chegada dos militares e arrebentou uma parte da porta para fugir do apartamento.

Logo em seguida, o homem apareceu com a criança no braço e dizia que não se entregaria e que só sairia do local morto.

Após as primeiras negociações, o homem voltou para o interior do apartamento e apareceu novamente na porta, com uma munição de arma de fogo, dizendo que só sairia de lá com um tiro na cabeça. Diante disso, foi preciso acionar o apoio do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

Após mais de 3h de conversas, sem evolução, a equipe tática entrou no apartamento e prendeu o agressor.

A criança não ficou ferida. O menino e o pai foram atendidos pelo Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF) e liberados. O homem apresentava algumas lesões superficiais, provocadas por ele mesmo. Todos foram conduzidos para a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) para registro da ocorrência policial.

O homem foi autuado pelos crimes de constrangimento ilegal, ameaça, posse ilegal de arma de fogo (munição) e vias de fato.

Últimas notícias