“Obrigado por tudo, pai. Vá em paz”, diz filho em enterro de PM assassinado

Leonel Martins Saraiva foi morto aos 55 anos, em São Sebastião, após ladrões tentarem levar o carro dele

atualizado 28/01/2021 11:34

Enterro PM morto no DF JP Rodrigues/ Especial para o Metrópoles

O policial militar da reserva Leonel Martins Saraiva, morto em São Sebastião após ser vítima de um assalto, foi sepultado na manhã desta quinta-feira (28/1).

O velório, realizado na Capela 1 do cemitério Campo da Esperança da Asa Sul, teve a presença de amigos, familiares e colegas de trabalho. Policiais fardados também compareceram para dar o último adeus ao segundo-tenente. Por meio de nota, a corporação lamentou a morte do militar.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
0

“É com muito pesar que a Polícia Militar do Distrito Federal comunica o falecimento do segundo-tenente da reserva remunerada Leonel Martins Saraiva. Ele foi alvejado por dois homens armados na Quadra 205 de São Sebastião e não resistiu aos ferimentos. O policial da reserva veio a óbito enquanto era atendido na UPA da cidade. O ST Saraiva serviu no 21º Batalhão antes de ir para a reserva remunerada. O policial deixa três filhos, um deles menor de idade”, diz o texto.

“Era um bom homem, pai, marido e empresário. Não tem um para criticar a índole do meu pai. Agora, ele vai descansar. Fez a parte dele aqui na terra. Mas a gente não vai deixar a peteca cair”, disse Handerson Dyego, filho do militar.

Muito consternado, Handerson relembra o tempo vivido ao lado do pai com muita gratidão: “Eu sou o homem que sou por causa dele. Ele foi pai de verdade”. E continuou: “Eu espero ser para os meus filhos pelo menos metade do que o meu pai foi pra mim. Obrigado por tudo e vá em paz”, diz Dyego ao se despedir do pai, durante o sepultamento.

O crime

Leonel, PM  da reserva, dava carona para um colega quando foi abordado na Quadra 205 de São Sebastião. Os bandidos alvejaram o policial, que foi socorrido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região administrativa, mas não resistiu aos ferimentos. Os suspeitos não conseguiram concretizar o roubo.

Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento exato do crime. No vídeo, é possível ver os dois criminosos se aproximando e agindo. Eles retiram o PM do veículo à força. Quando Saraiva se afasta do carro, na tentativa de fugir, é atingido por disparos. Ele corre, mas cai poucos metros depois.

 

 

 

Mais lidas
Últimas notícias