Homem de 47 anos é a primeira vítima da Covid entre metroviários do DF

O inspetor de tráfego Paulo de Ávila Silva Neto perdeu a luta para a doença e foi sepultado neste domingo (18/4)

atualizado 18/04/2021 22:30

Trem do Metrô-DFRafaela Felicciano/Metrópoles

A Covid-19 fez a primeira vítima entre os funcionários da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô). Paulo de Ávila e Silva Neto, 47 anos, perdeu a luta para a doença no sábado (17/4) e foi sepultado neste domingo (18/4). Paulo era inspetor de tráfego do Metrô e querido por todos os colegas.

“Foi o primeiro empregado do Metrô que perdemos para a Covid. Os metroviários estão muito comovidos e angustiados com essa perda, um companheiro de serviço e excelente profissional”, lamentou o Sindicato dos Metroviários do DF (Sindmetrô-DF), por meio de nota.

DF perde primeiro metroviário para a Covid
Paulo Ávila é o primeiro metroviário do DF a morrer em decorrência da Covid-19

O Metrô-DF também emitiu nota de pesar sobre a morte do inspetor de tráfego.

“Em nome da diretoria e de todos os colegas de trabalho, o Metrô externa sua solidariedade à família neste momento de profunda dor. Ávila deixa um legado de competência e bons préstimos a esta companhia”, diz o documento.

Últimas notícias