metropoles.com

Dificuldade com logística do sexo? Veja 5 regras da “etiqueta sexual”

Sexóloga explica que, apesar de sexo ser fluido e dinâmico, algumas “regrinhas” podem ajudar a destravar as pessoas antes do sexo

atualizado

Compartilhar notícia

RealPeopleGroup/Getty Images
Casal com os pés entrelaçados deitados na cama - Metrópoles
1 de 1 Casal com os pés entrelaçados deitados na cama - Metrópoles - Foto: RealPeopleGroup/Getty Images

Ainda que sexo seja algo que todo mundo faz em algum momento da vida, ele ainda é tratado como tabu. Por isso, a famosa hora H – casual ou em um relacionamento – é cheia de dúvidas: o que fazer? Como fazer? Posso pedir? Devo fingir que está bom?

A verdade é que fazer sexo seria muito mais fácil e prazeroso se as pessoas colocassem em prática o bom e velho diálogo. De acordo com a sexóloga Bárbara Bastos, o diálogo é essencial, uma vez que cada um tem seus próprios gostos e desejos, e o jeito mais fácil e preciso de descobrir é conversando sobre.

“É claro que na dança do sexo, os beijos, apertos e amassos podem fluir muito bem sem precisar de comunicação, mas sabemos que uma boa conversa soluciona muitas dúvidas. Por ainda ser visto como tabu, as pessoas evitam falar sobre sexo e acabam preferindo testar na prática”, explica.

Nesse caso, fica o questionamento: se existisse uma regra de “etiqueta sexual” pré-estabelecida, assim como existe no universo fetichista, a vida sexual das pessoas seria facilitada? Bárbara acredita que sim. “Poderia ser interessante para algumas situações e, inclusive, acredito que ajudaria muitos casais no início de um envolvimento”, aponta.

Contudo, a sexóloga faz o alerta: ainda que com “regrinhas” já existentes, é importante lembrar que a sexualidade e o sexo são fluidos, dinâmicos e vivos, não sendo possível colocá-los em uma caixinha.

Regras de etiqueta sexual

Não sabe por onde começar para aproveitar melhor sua vida sexual e gostaria de um direcionamento inicial? A especialista dá cinco dicas básicas de etiqueta sexual a seguir:

  • Se perceber que algo está estranho (antes, durante ou depois do sexo), pare e pergunte para a parceria;
  • Não ultrapasse o limite da outra pessoa;
  • Se não estiver prazeroso, mostre para a parceria;
  • Situações inesperadas acontecem sempre e em qualquer lugar. Não é constrangimento, vocês podem parar o que estão fazendo e relaxar ou conversar depois;
  • Se tiver dúvida, pergunte.
0

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações