Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Com apenas 19 anos, João Gomes é promessa musical da Forbes Under 30

Cantor entrou na seleta lista e é um dos maiores cantores do país atualmente, levando o piseiro para o Brasil

atualizado 02/01/2022 14:01

João GomesReprodução

Idade não é documento e João Gomes pode provar essa máxima. Com apenas 19 anos de idade, o cantor que conquistou o país com o ritmo do piseiro foi eleito pela Forbes Under 30 como um dos jovens mais promissores do Brasil.

Nascido em Serrita, Pernambuco, Gomes começou sua carreira em 2021 e estourou no mesmo ano com Meu Pedaço de Pecado, que já acumula mais de 147 milhões de reproduções no Spotify. O cantor, que agora faz parte da seleta lista, também já tem mais de 7 milhões de ouvintes mensais na plataforma. A realização de seus maiores sonhos de carreira já começaram a se realizar desde o ano passado, quando cantou com Ivete Sangalo e conquistou seu primeiro ônibus para turnês.

0

A lista que aponta os brasileiros promissores de até 30 anos é formada por um time de jornalistas e especialistas da própria Forbes. “Cada candidato é avaliado segundo critérios e métricas objetivos e subjetivos, como faturamento, valor de mercado, aportes recebidos, número de seguidores nas redes sociais, alcance e impacto social, criatividade, ineditismo, disrupção e relevância no respectivo setor, entre outros”, diz a publicação.

Hoje, João Gomes já é um dos maiores cantores da música brasileira, com quase 3 milhões de seguidores no Youtube e vídeos que também acumulam suas milhões de visualizações. Além disso, ele se mantém no Top 50 Brasil do Spotify com três músicas do álbum Eu Tenho A Senha, apesar de seu lançamento ter sido em junho de 2021. Um sucesso verdadeiro, assim como colocou a lista da Forbes.

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga @leodias no Instagram.

Agora também estamos no Telegram! Clique aqui e receba todas as notícias e conteúdos exclusivos em primeira mão.

Mais lidas
Últimas notícias