metropoles.com

Lula convoca Marina para reunião após derrotas da ministra no Congresso

Antes da reunião com Lula, Marina Silva se encontrará nesta quinta-feira com o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha

atualizado

Igo Estrela/Metrópoles

O presidente Lula convocou as ministras Marina Silva (Meio Ambiente) e Sonia Guajajara (Povos Originários) para uma reunião nesta sexta-feira (26/5), em Brasília.

O objetivo será discutir uma estratégia para tentar reverter as derrotas que ambas sofreram no Congresso, com a desidratação de suas pastas e a aprovação da urgência do projeto do marco temporal das terras indígenas.

Antes da conversa com Lula, Marina deve se reunir, na tarde desta quinta-feira (25/5), com o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, responsável pela articulação política do governo.

Lula irritado

Embora haja disposição do Palácio do Planalto em ajudar a ministra a reverter as derrotas, auxiliares de Lula admitem que o presidente está incomodado com o comportamento recente de Marina.

O petista ficou incomodado com o fato de a auxiliar ter ignorado uma ordem dele em relação ao pedido da Petrobras para perfurar a foz do rio Amazonas em busca de petróleo.

Segundo três fontes do governo, Lula havia pedido para Marina não mexer com o assunto enquanto ele estivesse em viagem ao Japão para participar da cúpula do G-7, na semana passada.

A ministra, porém, ignorou a orientação. Na noite do dia 17 de maio, o Ibama, que é subordinado a Marina, anunciou ter negado a licença para a Petrobras perfurar a foz do Amazonas.

No momento que o Ibama divulgou o documento, Lula estava em voo para o Japão. O presidente havia decolado rumo ao país asiático no início da manhã de 17 de maio.






Quais assuntos você deseja receber?