metropoles.com

Exclusivo: veja vídeos da destruição das salas e obras no Palácio do Planalto

Palácio do Planalto foi vandalizado por bolsonaristas neste domingo (8/1) em ato terrorista

atualizado

Compartilhar notícia

Guilherme Amado/Metrópoles
Planalto após ato terrorista de bolsonaristas
1 de 1 Planalto após ato terrorista de bolsonaristas - Foto: Guilherme Amado/Metrópoles

Imagens produzidas com exclusividade pela coluna mostram o estado do Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo, após os atos terroristas cometidos neste domingo (8/1) por apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro.

A coluna percorreu entre 21h e 21h30 deste domingo os quatro andares do Planalto. Vidraças foram quebradas, cadeiras destroçadas, obras de arte rasgadas e computadores e televisores destruídos pelos manifestantes golpistas. A destruição ocorreu principalmente no segundo andar e no terceiro, no corredor que leva ao gabinete do presidente Lula.

Os golpistas não conseguiram acessar a sala de Lula. O gabinete da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) no Planalto foi depredado, entre outros.

Agora à noite, estão reunidos no gabinete de Lula Jaques Wagner, líder do governo no Senado, Gleisi Hoffmann, presidente do PT, Wadih Damous, secretário Nacional do Consumidor, Miriam Belchior, secretária-executiva da Casa Civil, Wellington Saraiva, Secretário de Assuntos Jurídicos da Casa Civil.

Há vidro quebrado e lixo espalhado pelo chão. O quadro “As Mulatas”, de Di Cavalcanti, foi furado pelos manifestantes, e um quadro de Frans Krajcberg foi danificado, assim como uma escultura de Haroldo Barrroso.

O quarto andar, onde ficam alguns ministérios, está mais preservado do que os demais. As medalhas no Gabinete de Segurança Institucional (GSI) foram furtadas.

Assista aos vídeos:



Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comGuilherme Amado

Você quer ficar por dentro da coluna Guilherme Amado e receber notificações em tempo real?

Notificações