Veja quem pode se vacinar nesta quinta (21/10) em SP, RJ, GO, MG e SC

Algumas capitais vacinam a população idosa e os imunossuprimidos com a D3, como recomendado pelo Ministério da Saúde

atualizado 20/10/2021 23:44

VacinaRafaela Felicciano/Metrópoles

As capitais seguem com a vacinação contra a Covid-19 nesta quinta-feira (21/10). São Paulo, por exemplo, aplica a dose de reforço em pessoas com mais de 18 anos que possuem alto grau de imunossupressão e que tomaram a última vacina (segunda dose ou dose única) há pelo menos 28 dias.

Os profissionais da saúde com mais de 18 anos e idosos com mais de 60 anos que tenham tomado a segunda dose ou dose única há pelo menos seis meses também estão aptos a receber a dose de reforço. Veja.

A prefeitura ainda imuniza adolescentes de 12 a 17 anos. A Secretaria de Saúde da capital paulista reforça a obrigatoriedade de que o cidadão apresente, no ato da vacinação, comprovante de residência na cidade, além de documentos pessoais, preferencialmente Cadastro de Pessoa Física (CPF) e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

Rio de Janeiro

A cidade do Rio de Janeiro aplica o imunizante em jovens de 12 anos ou mais. A dose de reforço será para mulheres com 67 anos ou mais. Também podem receber a DR profissionais de saúde que tomaram a D2 em março deste ano. Confira os locais.

Pessoas com 40 anos ou mais que tomaram a Pfizer no município do Rio terão o intervalo reduzido para 21 dias ou mais. E atenção: quem perdeu a data da 2ª dose da vacina deve retornar ao local onde recebeu a 1ª aplicação o quanto antes para completar o esquema. Não precisa esperar repescagem.

Quem vai receber a vacina deve apresentar identificação original com foto, número do CPF e, se possível, a caderneta de vacinação. Para a segunda dose, é importante levar o comprovante da primeira aplicação.

Santa Catarina

A Prefeitura de Florianópolis aplica a segunda dose e a D3 nesta quinta (21/10). As doses de reforço serão destinadas para idosos que receberam a segunda dose até dia 24 de abril, ou seja, há 180 dias, e pessoas com alto grau de imunossupressão que receberam a segunda dose há 28 dias.

A imunização de adolescentes e a dose de reforço para profissionais de Saúde não acontecerá nesta quinta. Elas serão aplicadas na sexta-feira (22).

Minas Gerais

Belo Horizonte vai aplicar a segunda dose em quem tem 36 anos. “Só poderão tomar a segunda dose no dia 21 as pessoas de 36 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 28 de outubro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte”, informa a prefeitura. (Confira os locais)

Goiás

Goiânia vacina adolescentes de 12 a 17 anos para a primeira dose. Os profissionais da saúde também serão imunizados com a D3. Para eles, no entanto, a vacina só estará disponível se a segunda dose tiver sido aplicada há seis meses.

A terceira dose continua disponível para idosos com 60 anos ou mais e que tomaram a segunda dose há pelo menos seis meses e para os imunossuprimidos a partir de 18 anos que receberam a D2 há mais de 28 dias.

O público geral com 18 anos ou mais que ainda não se vacinou poderá comparecer em qualquer uma das 51 salas de rotina. Veja os locais.

O Centro Municipal de Vacinação é o ponto de referência para gestantes e puérperas (com 45 dias após o parto) para receber primeira e segunda dose ou se estiverem em atraso, sem a necessidade de agendamento prévio.

Mais lidas
Últimas notícias