metropoles.com

Bolsonaro decreta luto oficial pela morte de Olavo de Carvalho

O escritor e filósofo Olavo de Carvalho, 74 anos, morreu na madrugada desta terça-feira (25/1). Presidente decretou luto oficial de um dia

atualizado

Compartilhar notícia

Igo Estrela/Metrópoles
agenda presidente jair bolsonaro Evento de lançamento do Programa Nacional de Crescimento Verde no Palácio do Planalto 16
1 de 1 agenda presidente jair bolsonaro Evento de lançamento do Programa Nacional de Crescimento Verde no Palácio do Planalto 16 - Foto: Igo Estrela/Metrópoles

O presidente Jair Bolsonaro (PL) decretou luto oficial de um dia após a morte do filósofo e guru do governo Olavo de Carvalho. A decisão está em decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU).

O escritor Olavo de Carvalho, de 74 anos, morreu na noite dessa segunda-feira (24/1), madrugada desta terça-feira (25/1) no horário brasileiro. Ele estava internado em um hospital de Richmond, Virgínia, nos Estados Unidos.

“É declarado luto oficial em todo o país, por um dia, contado da data de publicação deste decreto, em sinal de pesar pelo falecimento do professor Olavo Luiz Pimentel de Carvalho”, destaca trecho do documento assinado por Bolsonaro.

Após a publicação do decreto, as bandeiras do Palácio do Planalto foram colocadas a meio mastro. Veja:

0

O chefe do Executivo federal já havia lamentado a morte. “Nos deixa hoje um dos maiores pensadores da história do nosso país, o filósofo e professor Olavo Luiz Pimentel de Carvalho”, escreveu o presidente em seu perfil no Twitter.

Veja o decreto de luto oficial:

Bolsonaro decreta luto oficial pela morte de Olavo de Carvalho
Bolsonaro decreta luto oficial pela morte de Olavo de Carvalho

A causa da morte não foi divulgada. Entretanto, o próprio escritor afirmou que tinha se infectado com o novo coronavírus, causador da Covid-19. Carvalho era casado com Roxane, tinha oito filhos e 18 netos.

Natural de Campinas (SP), Olavo vivia desde 2005 nos Estados Unidos. Segundo ele, um dos motivos de sua mudança do Brasil para os EUA foi a chegada do Partido dos Trabalhadores (PT) à Presidência da República.

A última vez que Bolsonaro decretou luto oficial foi em junho do ano passado, quando o ex-vice-presidente da República Marco Antônio de Oliveira Maciel morreu.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações