metropoles.com

Gilmar Mendes absolve homem por furto de picanha de R$ 52

Caso ocorreu em maio de 2018, no Guará (DF). Após ser flagrado pelo segurança, homem admitiu furto e devolveu a peça de picanha

atualizado

Compartilhar notícia

EBC
Gilmar Mendes
1 de 1 Gilmar Mendes - Foto: EBC

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes absolveu um homem de 41 anos condenado pelo furto de uma peça de picanha, avaliada em R$ 52.

A decisão foi divulgada nessa quarta-feira (19/1) pelo STF e tem como base o princípio da insignificância.

O caso ocorreu em maio de 2018, no Guará, Distrito Federal. O homem foi flagrado pelo fiscal de prevenção de um supermercado quando saía com a peça de carne escondida em suas roupas.

Ao ser questionado, ele admitiu o crime e devolveu a picanha, contou o fiscal.

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) negou, no entanto, recurso de apelação e manteve a sentença. O Superior Tribunal de Justiça (STJ) também negou habeas corpus que pedia a absolvição.

No recurso, a Defensoria Pública do Distrito Federal argumentou que a conduta não representou uma agressão relevante, pois a picanha tinha valor equivalente a apenas 5,45% do salário mínimo vigente na época dos fatos.

0

Mendes afirma que a situação chama a atenção “pela absoluta irrazoabilidade” de ter movimentado todo o aparelho estatal (polícia e Judiciário) para condenar uma pessoa pelo furto de uma peça de carne de R$ 52.

“A hipótese reclama com nitidez a incidência do princípio da insignificância, sobretudo porque a consequência nuclear do crime patrimonial é acrescer o patrimônio do autor e minorar o da vítima, o que acabou por se configurar de forma ínfima no caso em questão”, escreveu o magistrado.

Confira a íntegra da decisão:

RHC210198 by Tacio Lorran Silva on Scribd

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações