Áudio: “Acho é pouco”. Suspeito de celebrar morte de PRFs é preso

Caminhoneiro, que zombou da morte do agentes em áudio, foi detido com drogas no município de Hidrolândia, na região metropolitana da capital

atualizado 19/05/2022 15:57

Reprodução

Goiânia – Um caminhoneiro de 46 anos foi preso portando uma porção de maconha na BR-153, em Hidrolândia, na região metropolitana da capital goiana. O homem também é suspeito de enviar um áudio celebrando a morte de dois agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) ocorrida esta semana no Ceará.

A prisão aconteceu na tarde dessa quarta-feira (18/5).

“Bom dia povo, bom dia grupo. Eu acho é pouco! Morreu só dois? Tem que fazer uma limpeza aí nessas desgraças que não deixam a gente trabalhar, fica implicando com tudo. É bom pra ver se eles aquietam agora o facho”, diz o caminhoneiro no áudio.

Ouça:

De acordo com os policiais rodoviários, logo após a mensagem repercutir e chegar ao conhecimento da corporação, o serviço de inteligência da PRF localizou o indivíduo na região de Goiânia e acionou a equipe da unidade de Hidrolândia.

Confissão

Ao ser abordado pela polícia, o homem confessou ter gravado o áudio em que celebra a morte dos agentes. Na visão da polícia, o áudio enviado pelo motorista faz apologia ao homicídio.

Segundo a corporação, essa é a segunda vez que o homem é flagrado com drogas ilícitas. Ele assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e comprometeu-se a responder na Justiça por apologia ao crime e posse de drogas.

Mortes

Os PRFs Raimundo Bonifácio do Nascimento Filho, de 43 anos, e Márcio Hélio Almeida de Souza, de 53, morreram durante uma fiscalização na BR-116, em Fortaleza (CE). Eles auxiliavam uma pessoa que caminhava desorientada na rodovia entre os veículos, a fim de evitar possível atropelamento.

No momento da retirada do indivíduo da via, o homem em situação de ru resistiu a abordagem e entrou em luta corporal com os PRFs. Em seguida, o homem disparou com arma de fogo contra os policiais, que morreram.

Por meio de nota, a PRF informou que a morte do policiais entristece toda a corporação. “Manifestamos irrestrito apoio à família e nossa solidariedade a familiares e amigos neste momento de dor”, diz o documento.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias