Atriz e diretora Erika Ferreira morre com suspeita de coronavírus

A artista estava internada desde a última terça-feira (24/03) com sintomas da doença

Erika FerreiraErika Ferreira/Reprodução/Facebook

atualizado 30/03/2020 18:25

Morreu, nesse sábado (28/03), aos 39 anos, a atriz e diretora Erika Ferreira. As suspeitas são de que a carioca tenha contraído o novo coronavírus.

“Acabamos de receber a notícia. Infelizmente estamos consternados e pedimos perdão por falta de mais palavras nesse momento. Enviemos preces, rezas e orações pela sua passagem e para os familiares”, postou, no Facebook, a Escola Técnica Estadual de Teatro Martins Penna, onde a atriz se formou. Ela estava internada desde a última terça-feira (24/03) com sintomas da doença.

Junto à mensagem, veio um pedido para que os seguidores continuem respeitando a quarentena, para evitar o avanço da pandemia de Covid-19.

Erika deixa o esposo, o ator Sylvio Moura, também formado na mesma instituição.

Carreira

Natural de São Gonçalo, no Rio de Janeiro, Erika Ferreira comandava a companhia de teatro Aglomerados. Entre os trabalhos mais famosos, está o musical É samba na veia, é Candeia, que homenageia o sambista Antônio Candeia Filho.

0
“Uma diva”

Leia a homenagem prestada na nota de falecimento publicada pela Escola Fábrica Oficina Social de Teatro, com a qual a artista era vinculada:

Toda a família OST está triste nesse momento. Uma das grandes precursoras da história da instituição, nossa querida Erika Ferreira , acabou de partir.

Acaba de adentrar ao céu uma estrela, uma diva, uma mestre, uma parceira, escritora, diretora, atriz, cantora, produtora, professora, amiga, empresária e, acima de tudo, irmã de todos nós!

Pedimos preces e intercessões.
Que Deus possa confortar a sua família.

Te amamos! Obrigado por tudo! Vá com Deus, nossa diva!

“Seu canto é santo e encanta o coração!”

0

 

Últimas notícias