Pedetistas querem ouvir Ciro sobre futuro de sua candidatura pós-Moro

Bancada do partido se reúne com o pré-candidato, e há, entre os deputados, quem até defenda seu apoio a Lula

atualizado 08/12/2021 8:39

Ciro Gomes Fábio Vieira/Metrópoles

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) irá jantar com a bancada de seu partido na Câmara na semana que vem. A conversa será na residência do deputado Mario Heringer (MG).

Os parlamentares pedetistas querem ouvir e falar nesse encontro. Na sigla, é consenso que a entrada de Sergio Moro no páreo mudou o cenário e, nesse primeiro momento, enfraqueceu Ciro.

Os deputados querem ouvir do pré-candidato sua avaliação do panorama, se há espaço para crescer, qual discurso a ser adotado e como o marqueteiro João Santana pode ajudar de fato. Até agora, avalia a bancada, a linha adotada não tem surtido efeito.

No partido, há quem defenda sua candidatura até o fim, os que preferem dar tempo ao tempo e aqueles que, desde já, entendem que o presidenciável deva defender uma frente de esquerda e aderir à candidatura Lula. Esse último grupo é minoritário.