*
 

O sistema de informática da Secretaria de Saúde, o TrakCare, voltou a funcionar na manhã desta quinta-feira (11/5), às 5h45, embora com lentidão e instabilidade. O TrakCare é o serviço que gerencia informações dos prontuários dos pacientes.

Questionada sobre a remarcação das consultas, a Secretaria de Saúde disse que ocorrerá de forma gradual para a data mais próxima possível.

Na segunda-feira (8), foi registrada falha técnica que restringiu serviços ambulatoriais, como o agendamento de consultas. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Contra a Administração Pública (Decap). Desde o início da semana, mais de 2 milhões de prontuários da rede pública de saúde foram afetados.

A Secretaria de Saúde informa que técnicos da pasta e da empresa fabricante do programa estão atuando para garantir o correto funcionamento da plataforma. O motivo da pane ainda é desconhecido e está sendo investigado.

Em fevereiro deste ano, a empresa Intersystem, responsável pela TrakCare, deixou de ter obrigação contratual com a Secretaria de Saúde. A manutenção vem sendo feita pela própria secretaria e o contrato não foi renovado pelos valores pedidos pela empresa: R$ 30 milhões mais dívidas do governo anterior.

O GDF entendeu que as cifras são altas e firmou, na quarta-feira (10), um contrato de 12 meses com a própria Intersystem. A função será atualizar e fazer a manutenção dos procedimentos em vínculo de R$ 4,9 milhões.

 

 

COMENTE

Secretaria de Saúdetrakcareagendamento de consultas
comunicar erro à redação