metropoles.com

OMS anuncia recomendação de vacina contra malária eficaz e mais barata

Novo imunizante anunciado pela Organização Mundial da Saúde contra a malária é mais barato e poderá ser produzido mais rápido do que havia

atualizado

Compartilhar notícia

Divulgação/WHO
Enfermeira aplica vacina em criança africana, vacina de malária - Metrópoles
1 de 1 Enfermeira aplica vacina em criança africana, vacina de malária - Metrópoles - Foto: Divulgação/WHO

Em entrevista coletiva nesta segunda-feira (2/10), a Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou a recomendação oficial de uma nova vacina contra a malária. O novo imunizante é mais barato e poderá ser produzido em maior escala do que a fórmula aprovada em 2021.

A nova vacina, chamada R21/MatrixM, foi desenvolvida pela Universidade de Oxford, no Reino Unido, e deverá ser comercializada a menos de quatro dólares por dose, metade do preço da anterior. Ela já começou a ser aplicada oficialmente em alguns países, como Gana.

A farmacêutica Serum Institute of India fabricará o imunizante e deve produzir até 100 milhões de doses por ano. A vacina atual, a RTS, já teve 18 milhões de doses produzidas.

“É uma felicidade para mim, que dediquei minha vida a combater a malária, saber que agora não há apenas uma, mas duas vacinas contra esta doença, e que ambas podem reduzir os casos sintomáticos em até 75% após três doses”, afirmou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, durante entrevista coletiva.

A OMS afirmou que ajudará 28 países a colocar a vacina para malária em seus programas de imunização até o começo do ano que vem. “Estas vacinas combinadas nos deixam mais próximos do que nunca de erradicar a malária do mundo”, celebra a professora Dyann Wirth, especialista em malária da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

O que é a malária?

A malária é uma doença endêmica em várias partes do mundo e tem sido uma das principais causas de mortalidade na África. Ela é transmitida por um mosquito do gênero Anopheles, mas é uma doença parasitária, não viral, como a dengue. Os sintomas mais comuns são:

  • Febre alta;
  • Calafrios;
  • Tremores;
  • Sudorese;
  • Dor de cabeça, que pode ocorrer de forma cíclica.
mosquito
Parasita que causa a malária é transmitido por mosquitos do gênero Anopheles

Vacina poderá ser aplicada no Brasil?

A nova vacina da malária é eficaz apenas contra os parasitas mais comuns do continente africano, assim como o imunizante de 2021 — 95% das mortes por malária no mundo acontecem em países da África e Índia.

Entretanto, este não é o mesmo parasita que circula no Norte do Brasil. Por isso, as autoridades de saúde brasileiras devem fazer testes específicos para avaliar se a recomendação da OMS será útil também no território nacional.

Siga a editoria de Saúde do Metrópoles no Instagram e fique por dentro de tudo sobre o assunto!

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comSaúde

Você quer ficar por dentro das notícias de saúde mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações