Sem acordo, Neymar encontrará Barcelona no tribunal

O brasileiro processa os espanhóis pela falta de pagamento de bônus e os catalães acusam o ex-atleta de quebra de contrato

Aurelien Meunier - PSG/Getty ImagesAurelien Meunier - PSG/Getty Images

atualizado 04/09/2019 13:15

Neymar deve estar pensando em mudar de carreira e virar roteirista de novelas dramáticas. Termina uma, começa outra. O cenário da vez também envolve o jogador, o Paris Saint-Germain e o Barcelona e será resolvido no tribunal no próximo dia 27. O brasileiro processa os espanhóis pela falta de pagamento de um bônus da época que atuava por lá e os catalães acusam o ex-atleta de quebra de contrato de quando se transferiu ao time de Paris.

A informação é do jornal francês L’Équipe, que usa como fonte o espanhol AS para lembrar o caso, que é antigo e já teve a audiência adiada duas vezes. Neymar reivindica o pagamento restante de um prêmio de 26 milhões de euros. O Barça, em sua defesa, alega que não vai pagar e utiliza o argumento da ida do jogador para o PSG, em 2017, o que teria anulado o direito de receber tal quantia.

Por conseguinte, agora o clube aproveita para contra-atacar afirmando quebra-unilateral de contrato e exige pagamento de 75 milhões de euros do jogador. Com a falta de acordo entre o Barcelona e o brasileiro na última janela de transferência, o caso voltou à tona. O que, segundo o L’Équipe, certamente seria esquecido se Neymar tivesse retornado ao clube.

Últimas notícias