metropoles.com

Com vitória, Djokovic garante topo do ranking até o fim de 2023

Sérvio sofreu, mas estreou com vitória no ATP Finals, na Itália, e garantiu o primeiro lugar do ranking mundial até o fim da temporada

atualizado

Compartilhar notícia

Matthew Stockman/Getty Images
Imagem colorida de Djokovic com os braços abertos
1 de 1 Imagem colorida de Djokovic com os braços abertos - Foto: Matthew Stockman/Getty Images

O sérvio Novak Djokovic sofreu, nesse domingo (12/11), mas estreou com vitória no ATP Finals, disputado em Turim, na Itália. O tenista número 1 do mundo derrotou o dinamarquês Holger Rune por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/4), 6/7 (1/7) e 6/3, em 3h04min, e assegurou o topo do ranking até o fim da temporada.

Será a oitava vez que Djokovic terminará uma temporada no topo da lista da ATP, um novo recorde, superando marca que já era sua O suíço Roger Federer, já aposentado, e o espanhol Rafael Nadal, afastado do circuito por lesão, terminaram no topo por cinco temporadas cada um.

Na quadra dura, cobertura e super rápida de Turim, Djokovic e Rune fizeram um duelo muito equilibrado, principalmente nos dois primeiros sets, decididos somente no tie-break. O dinamarquês não se abalou ao perder a primeira parcial e mostrou força no tie-break do segundo set, quando quase venceu Djokovic de zero.

Na parcial decisiva, contudo, Rune perdeu ritmo de jogo e viu o sérvio controlar o jogo até fechar a partida. Djokovic terminou o duelo com quatro quebras de saque sobre o adversário, que registrou três. O dinamarquês se destacou nas bolas vencedoras. Foram 48 a 38. Mas falhou mais: cometeu 13 erros não forçados, contra nove do número 1 do mundo.

Mais cedo, a competição foi aberta oficialmente com a vitória do italiano Jannik Sinner sobre o grego Stefanos Tsitsipas por 2 x 0, com duplo 6/4, em 1h25min de confronto. Em sua segunda participação no torneio, o número quatro do mundo se impôs nos detalhes numa partida marcada pelo equilíbrio.

Sinner se destacou no saque e nas bolas vencedoras. Foram 21 x 16. Ambos os tenistas empataram no número de erros não forçados: foram cinco para cada lado. Foi a segunda vitória seguida do italiano sobre Tsitsipas. No geral, o grego continua em vantagem: oito triunfos a três.

Com os resultados do dia, Sinner desponta na liderança do Grupo Verde por ter vencido sua partida sem ceder sets. Djokovic vem logo atrás.

Os tenistas do Grupo Verde voltam à quadra na terça-feira (14/11). Na segunda, os atletas do Grupo Vermelho vão fazer suas estreias. O primeiro jogo do dia vai reunir o espanhol Carlos Alcaraz e o alemão Alexander Zverev. Na sequência, vão duelar os russos Daniil Medvedev e Andrey Rublev.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comEsportes

Você quer ficar por dentro das notícias de esportes e receber notificações em tempo real?

Notificações