metropoles.com

Tomaz Viana, o TOZ, revela planos de levar grafite ao audiovisual

Recordista de visitações no MAC, TOZ fala sobre sucesso, engajamento, relembra prisão e revela planos de chegar ao audiovisual

atualizado

Compartilhar notícia

Reprodução
Tomaz Viana, o TOZ, em exposição
1 de 1 Tomaz Viana, o TOZ, em exposição - Foto: Reprodução

Para o artista, é gratificante quando sua produção cai nas graças do público. E Tomaz Viana, o TOZ, apelido que é também seu nome artístico, vive essa experiência. Ele conseguiu, aos 47 anos, um feito e tanto: sua exposição “Todas as cores”, exibida este ano no Museu de Arte Contemporânea, o MAC, em Niterói (RJ), bateu recorde de público na instituição, inaugurada em 1996.

O feito pegou de surpresa o próprio artista, feliz por ter podido levar um público diverso àquele centro cultural. O fato coroa uma trajetória de quase 30 anos dedicados ao grafite. TOZ e a família trocaram Salvador, sua cidade natal, pelo Rio de Janeiro, onde seus personagens chamaram atenção nos muros da cidade.

Leia a matéria completa no New Mag, parceiro do Metrópoles — clique para ser redirecionado. 

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comEntretenimento

Você quer ficar por dentro das notícias de entretenimento mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações