Surto de Covid faz Globo fechar estúdios e atrasar novelas inéditas

A emissora colocou a maior parte dos funcionários em trabalho remoto; a decisão afetou diretamente as gravações de Pantanal e Além da Ilusão

atualizado 11/01/2022 18:13

Alanis Guillen em cima de um troncoGlobo/Reprodução

Com 519 infectados por Covid-19 em cinco dias, a TV Globo decidiu adotar o home office para a maior parte dos funcionários. A medida acabou afetando diretamente as produções inéditas da emissora. Com isso, Além da Ilusão, próximo folhetim das seis, e Pantanal, remake do sucesso da extinta Manchete, terão atrasos nas gravações.

A trama das seis Nos Tempos do Imperador fica no ar até o dia 7 de fevereiro. Já Um Lugar ao Sol só termina em março. Esse é o prazo que o alto escalão da Globo tem para concluir os trabalhos e exibir as novelas inéditas. Além da variante ômicron, o surto de gripe H2N3 no Rio de Janeiro também preocupa o canal de Roberto Marinho. O número de internados com o Sars-Cov-2 na rede pública da cidade dobrou nas últimas 24 horas.

 

0

 

A mudança de protocolos da Globo se deu com as orientações do infectologista Alberto Chebabo, que atua como consultor na empresa. Os funcionários que atuavam em sistema híbrido (dois dias da semana na empresa e três distante) ficarão 100% de home office até 1º de fevereiro. Quem continuar exercendo as atividades presencialmente, vai ter direito a estacionamento interno para evitar ir ao trabalho usando transporte público.

 

Mais lidas
Últimas notícias