A foto desta tartaruga com o casco rachado vai partir seu coração

Suspeita é que o animal tenha sido atingido por uma embarcação antes de parar nas areias do litoral baiano

atualizado 07/02/2020 19:28

A foto de uma tartaruga marinha com o casco partido ao meio circulou nas redes sociais nesta sexta-feira (07/02/2020) e chamou a atenção de militantes e ativistas da causa animal. O bicho, da espécia Oliva, foi flagrado nas areias da praia de Cururupe, em Ilhéus, sul da Bahia. Nesta época do ano, é comum encontrar tartarugas de diversas linhagens no litoral baiano por ser tempo de desova, onde elas colocam seus ovos para chocar na faixa de areia.

O projeto A-Mar, que atua na proteção de tartarugas marinhas, disse que ela já foi encontrada morta na quarta-feira (05/02/2020). Só este ano, 16 animais do tipo foram encontrados mortos na região, segundo o veterinário da ONG, Wellington Laudano disse ao jornal Correio da Bahia.

A suspeita, pelo tipo de fratura encontrada no casco da tartaruga, é que o animal tenha sido atingido pela hélice de uma embarcação. Em 2019, 213 animais foram encontrados pelo projeto A-Mar, peixes exóticos, pássaros, tartarugas e golfinhos. Infelizmente, foram poucos os casos em que o animal foi achado com vida e conseguiu retornar ao seu habitat.

“Esses locais, por terem muitos camarões, são onde as tartarugas mais são encontradas, pois elas buscam estes animais para se alimentar, aí ficam presas nas redes de pesca e acabam morrendo, porque elas têm respiração pulmonar”, disse Laudano ao portal baiano.

Em janeiro, um golfinho, de aproximadamente 3 metros de comprimento, foi encontrado na praia de Barramares. O motivo da morte não foi esclarecido.

Últimas notícias