Carros soterrados em garagem da 210 Norte começam a ser retirados

Três meses após laje desabar, os 23 veículos começam a ser removidos por empresa responsável por revitalização

atualizado 09/05/2018 18:12

Rafaela Felicciano/Metrópoles

Três meses depois do desabamento na garagem do Bloco C da 210 Norte, a empresa responsável pelas obras de revitalização da área afetada deu início ao processo de remoção do entulho. Assim, será possível tirar os 23 carros que ficaram sob os escombros.

As obras de revitalização estão sendo pagas pelos moradores. Até o momento, o laudo técnico da seguradora não ficou pronto. Os condôminos acionaram os seguros pessoais e a grande maioria já recebeu novos veículos.

Após a liberação do laudo, o condomínio pretende pedir o pagamento do prêmio à seguradora Tokio Marine para cobrir os danos causados por conta do desabamento. Ainda não se sabe o tamanho do prejuízo.

0

 

“A seguradora disse que só poderia dar o parecer após a remoção do entulho e dos veículos”, disse o advogado Kléber de Miranda Barreto Gomes, representante do condomínio. A retirada de todo o material teve início na terça-feira (8/5) e deve levar de 15 dias a um mês.

A garagem cedeu no dia 4 de fevereiro. Na ocasião, a Defesa Civil constatou que não houve danos à estrutura do prédio. Segundo os técnicos, a concentração de água no solo ao longo dos anos ajudou no descolamento da laje.

Procurada, a seguradora Tokio Marine informou que “o processo se encontra na etapa de análise técnica. Os peritos estão no local acompanhando as obras de desentulho. Ao fim dessa atividade, concluiremos nossa análise e emitiremos nosso parecer.”

Últimas notícias