metropoles.com

Setor náutico é aposta para retomada do turismo no país

Faturamento dodficou 25,8% abaixo do resultado consolidado em julho de 2019; boletim do MTur destaca importância do setor náutico para a retomada pós-pandemia; empresário comenta comportamento do mercado ainda em período de crise sanitária

atualizado

Compartilhar notícia

No Brasil, o setor de turismo, um dos mais atingidos pela atual crise sanitária, ainda segue abaixo da movimentação registrada no período pré-pandemia. É o que revela um levantamento do CT (Conselho de Turismo) da FecomercioSP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo), com base nos dados da Pesquisa Mensal de Serviços, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Segundo o balanço, o faturamento do mercado em julho de 2021 ficou 25,8% abaixo do resultado consolidado no mesmo período de 2019 – pré-pandemia -, o que corresponde a R$ 4,4 bilhões a menos nas receitas do setor, já descontada a inflação do período.

Em atenção a este cenário, em julho deste ano, o governo federal divulgou um Boletim de Inteligência de Mercado no Turismo com foco no segmento náutico, indicando sua relevância para a recuperação do setor no pós-pandemia.

A publicação compila dados e informações sobre produtos e experiências do ramo em todas as regiões do Brasil e as principais tendências e inovações da categoria, que deve ter forte contribuição na retomada do turismo nacional. Ainda segundo o informe, a aquisição ou o aluguel de embarcações para lazer em família está entre as principais tendências.

Vinícius Guedes, CEO da Safety Yatchs, – empresa especializada em aluguel e vendas de lanchas e barcos seminovos e usados -, concorda que o setor náutico pode ajudar o turismo brasileiro na retomada do pós-pandemia. Para ele, o segmento já tinha mostrado o seu valor durante a fase mais crítica da atual crise sanitária, no ano de 2020.

Setor náutico sempre promoveu o turismo, afirma empresário

“Ainda durante a pandemia, o setor náutico já ajudou bastante no aquecimento do turismo, principalmente na região Sul, entre Florianópolis e Balneário Camboriú. Com a mudança de comportamento do público devido às medidas de quarentena e isolamento social, o setor náutico contribuiu, e muito, em opções de lazer que dispensam aglomerações”, considera. 

Segundo Guedes, o comportamento do segmento durante a pandemia foi aquecido, ainda que fora da temporada de verão. O nicho de aluguel de lanchas, pontua, se manteve forte com altas demandas de aluguel, pois essa opção foi uma válvula de escape para o lazer em época de pandemia.

“O aluguel de lanchas pode ser uma boa alternativa para o desenvolvimento do turismo no Brasil e já ocupa um espaço importante na intenção do público, como lazer. O mercado tem trazido boas oportunidades até mesmo em tempos de pandemia. Em nosso raio de atuação, em Balneário Camboriú, Porto Belo e Florianópolis, observamos que a atividade tem sido muito explorada”, cita.

Em relação à economia, de acordo com o CEO da Safety Yatchs, os serviços envolvidos no aluguel de lancha agregam valor de serviço de médio a alta padrão, o que fomenta a economia e ajuda no desenvolvimento das regiões.

“O Brasil é um país tropical com extensa área litorânea e belas paisagens naturais. A região de Santa Catarina, por exemplo, contribui com excelentes opções de turismo náutico como as regiões de Florianópolis, Porto Belo e Balneário Camboriú. Assim, cumprindo todas as expectativas, o setor náutico deve contribuir para a retomada do turismo nacional, trazendo benefícios para o país como um todo”, finaliza. 

Para mais informações, basta acessar: https://www.safetyyatchs.com.br/

Website: https://www.safetyyatchs.com.br/

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações