metropoles.com

China se destaca como principal exportadora de fones bluetooth para o mundo

QCY fica em quarta colocação no número de exportações de fones bluetooth no mundo, e sua filial QCY – BRASIL é o principal braço para tamanho sucesso.

atualizado

Compartilhar notícia

Fones de ouvido bluetooth excederão a incrível marca de 200 milhões de unidades exportadas em 2020. De acordo com as últimas estimativas da Canalys, as exportações mundiais de dispositivos de áudio, incluindo alto-falantes e dispositivos de áudio pessoais, alcançaram 96,2 milhões de unidades no primeiro trimestre de 2020. 

A pandemia do coronavírus fez com que a categoria de alto-falantes sofresse o primeiro declínio global, caindo 1,9%, conforme exportações de 20,3 milhões de unidades. Em contraste, o áudio pessoal foi mais resiliente, com as vendas aumentando 19,4%, para 75,9 milhões de unidades. Este forte crescimento foi impulsionado por marcas de áudio que se voltaram para a categoria de fones de ouvido Stereo Sound, conhecidos como TWS. 

Os fornecedores de smartphones como Apple e Samsung lideraram o mercado de fones bluetooth no primeiro trimestre de 2020. “Não é nenhuma surpresa que os fornecedores de smartphones tenham dominado rapidamente”, disse Cynthia Chen, analista de pesquisa da Canalys. 

A líder de mercado Apple se manteve em primeira colocação na lista de exportações, mas a grande surpresa foi a marca asiática, QCY, que ocupou a quarta colocação, se destacando como a maior do seguimento de baixo custo.

“As operações da empresa começaram em 2010, e depois de uma década atingimos esse marco superimportante para a companhia. Mas o que mais surpreende, é o fato ter acontecido logo após um ano de início das operações no Brasil. A QCY – BRASIL® é a grande responsável pelo aumento de mais de 200% das exportações da marca, por esse motivo todo nosso time brasileiro foi até a Ásia e apresentou o que estamos fazendo por aqui, e claro, comemorar os resultados com todo time mundial”, afirma Eduardo Dongguan, CEO da companhia no Brasil.

No primeiro trimestre de 2020, os fones bluetooth detinham 38% do mercado, sendo a maior categoria de dispositivos de áudio inteligentes. Um dos principais influenciadores da experiência do usuário digital é a música, por isso os fabricantes investem milhares de dólares em desenvolvimentos desses dispositivos. 

“A melhor qualidade de som não é a única melhoria esperada em dispositivos de áudio. Com o TWS, os fornecedores visam tornar mais fácil o consumo de conteúdo para os usuários, bem como otimizar o acesso a assistentes pessoais inteligentes, por meio de uma forte integração com dispositivos inteligentes, como smartphones. Espera-se que os dispositivos bluetooth se tornem mais inteligentes a cada dia, permitindo aos usuários trabalhar, exercitar-se, aprender, relaxar e se divertir de forma mais eficaz”, disse Jason Low, analista sênior da Canalys

Low ainda finaliza, “A pandemia COVID-19 forneceu um acelerador inesperado para o mercado, impulsionando a criação e o consumo de mídia audiovisual. Isso, por sua vez, beneficia o crescimento de dispositivos de áudio inteligentes à medida que os usuários buscam novas e melhores maneiras de consumir conteúdo ”.

Website: https://www.qcyaudio.com.br

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações