metropoles.com

Lula participa da abertura do Foro de São Paulo na quinta-feira (29/6)

Evento começa em 29 de junho e vai até o dia 2 de julho, no Hotel San Marco, região central de Brasília

atualizado

Compartilhar notícia

Vinícius Schmidt/Metrópoles
Presidente Lula segura microfone durante fala à imprensa após encerramento da Reunião com Presidentes da América do Sul, na noite desta terça-feira (30/5), no Palácio do Itamaraty e responde perguntas de jornalistas - Metrópoles
1 de 1 Presidente Lula segura microfone durante fala à imprensa após encerramento da Reunião com Presidentes da América do Sul, na noite desta terça-feira (30/5), no Palácio do Itamaraty e responde perguntas de jornalistas - Metrópoles - Foto: Vinícius Schmidt/Metrópoles

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) participa, na próxima quinta-feira (29/6), da abertura do 26º encontro do Foro de São Paulo, evento que reunirá ao menos 150 representantes de partidos de esquerda da América Latina e do Caribe. A presença do mandatário foi confirmada ao Metrópoles pelo Palácio do Planalto.

O evento ocorre a partir de 29 de junho e vai até o dia 2 de julho, no Hotel San Marco, região central de Brasília.

Entre os membros do Foro, estão confirmados no evento representantes dos seguintes países: Brasil, Argentina, Uruguai, Bolívia Chile, Colômbia, Equador, Venezuela, Cuba, Panamá, República Dominicana, El Salvador e Nicarágua.

O encontro contará com workshops e palestras de representantes da Frente Sandinista de Libertação Nacional, da Nicarágua de Daniel Ortega; do Partido Socialista Unido da Venezuela, de Nicolás Maduro; e o Partido Comunista Cubano.

Segundo o colunista Ricardo Noblat, do Metrópoles, além do do Partido dos Trabalhadores, outros partidos de esquerda do Brasil também foram convidados para participar do evernto: entre eles, PDT, PCdoB, PCB e PSB – destes apenas PT e PCdoB são filiados ao Foro.

De acordo com a pré-programação já divulgada pelos organizadores, o tema de 2023 será a “Integração regional para avançar a soberania latino-americana e caribenha”. A organização convoca as “forças progressistas, populares e de esquerda” a se reunirem para refletir e debater os desafios e direções que devem ser tomadas.

Agenda semanal

A agenda do petista já começa agitada, nesta segunda-feira (26/6). Lula recebe, nesta segunda-feira (26/6), o presidente da Argentina, Alberto Fernández. O encontro está marcado para ocorrer às 12h, no Palácio do Planalto.

O governo brasileiro não detalhou os assuntos que serão abordados na agenda bilateral, no entanto, temas como a renegociação da dívida argentina e outros assuntos ligados à integração regional devem entrar em pauta.

Após o encontro na sede da Presidência da República, o petista oferecerá um almoço a Fernandez no Palácio Itamaraty. Segundo o Ministério das Relações Exteriores (MRE), o encontro celebra os 200 anos das relações diplomáticas entre os dois países.

Na terça, quarta e quinta-feira, o mandatário permanece na capital federal, onde deve participar de cerimônias no Palácio do Planalto, entre elas, o lançamento oficial do Plano Safra. Já na sexta-feira (30/6), Lula segue para Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde também marcará presença em três eventos.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações