Polícia ouve suspeito em busca pistas sobre menina desaparecida em GO

Além do depoimento, corporação fez perícia em um carro que estava estacionado na rua onde menina foi vista pela última vez

atualizado 28/11/2022 21:09

Selfie de Luana, menina que desapareceu e foi encontrada morta em Goiás. Ela é branca, tem cabelo cacheado com as pontas pintadas de vermelho e olha sem expressão para a câmera - Metrópoles Reprodução

Goiânia – A Polícia Civil de Goiás (PCGO) investiga o desaparecimento de uma garota de 12 anos na capital goiana. Na tarde desta segunda-feira (28/11), a corporação realizou perícia no carro de um suspeito, um celta branco, que estava estacionado na rua onde Luana Marcelo foi vista pela última vez. O dono no automóvel também foi ouvido.

A menina desapareceu na manhã desse domingo (27/11), depois de ir à padaria. Câmeras de segurança registraram a adolescente indo e voltando do local, a cerca de 400 metros da casa onde mora com a família. No entanto, ela não retornou. A família pede ajuda para localizar a garota.

Veja o vídeo:

 

Investigação

O suspeito foi levado para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) onde prestou depoimento. Em seguida, ele foi encaminhado para o Instituto de Criminalística para retirada de material genético. O veículo dele também foi levado para o local, onde passou por perícia. A identidade dele não foi revelada.

De acordo com a Polícia Científica, o objetivo da perícia no carro é saber se a menina esteve dentro dele. Foto mostra o veículo no mesmo setor em que a adolescente desapareceu, no Madre Germana 2.

Desaparecida

Conforme a família de Luana, o circuito de monitoramento filmou a menina já na rua de casa. Depois desse registro, ela não não foi mais vista. A garota saiu de casa com R$ 10 e, segundo a mãe, ela nunca foi a outros lugares sem avisar.

A menina estava de bermuda e uma blusa com estampa do TikTok. Luana tem cabelo com mechas vermelhas. O caso ganhou comoção e muitas pessoas compartilham a história nas redes sociais. Quem tiver informações sobre a menina, pode ligar para a Polícia Civil, pelos números 197, (62) 3201-4826 ou (62) 3201-4834.

Mais lidas
Últimas notícias