Parlamentares querem CPI para investigar “omissão do governo” na pandemia

São necessárias 27 assinaturas no Senado Federal e 171, na Câmara dos Deputados, para instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito

atualizado 19/01/2021 18:33

Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus (AM). Capital registra recorde atrás de recorde em número de sepultamentosHugo Barreto/Metrópoles

Parlamentares da Câmara e do Senado colhem assinaturas para a instalação de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) para investigar a conduta do governo Jair Bolsonaro (sem partido) na condução do enfrentamento à Covid-19 e no caos em Manaus, capital do Amazonas, com a falta de oxigênio hospitalar que culminou na morte de várias pessoas por asfixia.

Os líderes da Rede no Senado, Randolfe Rodrigues (AP), e do PSB na Câmara, Alessandro Molon (RJ), começaram essa mobilização. Eles necessitam de 27 assinaturas no Senado e 171 na Câmara.

Segundo o requerimento, o governo federal tem, sistematicamente, violado os direitos fundamentais básicos de toda a população brasileira à vida e à saúde e, apesar de não citar o nome do ministro da Saúde, Eduardo Pauzello, o documento menciona diversos episódio de suposta omissão em relação à vacinação e a Manaus, por exemplo.

“Ocupando o segundo lugar mundial em número de mortos pela Covid-19, com mais de 207 mil óbitos [são mais de 211 mil], o Brasil tem dado péssimo exemplo quanto ao controle da pandemia. De modo irresponsável, o governo federal sistematicamente deixou de seguir as orientações científicas de autoridades sanitárias de caráter mundial”, diz.

O documento destaca que “mais de 32 milhões de pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19 mundo afora em pelo menos 52 países” e o Brasil segue atrasado. O requerimento menciona que o governo federal “foi alertado de que faltaria oxigênio nos hospitais de Manaus quatro dias antes da crise, mas nada fez para prevenir o colapso do SUS [Sistema Único de Saúde]”.

0
Ações erráticas

“Com o recrudescimento da Covid-19 em dezembro de 2020 e janeiro de 2021, as omissões e ações erráticas do governo federal não podem mais passar incólumes ao devido controle do Poder Legislativo”, acrescenta.

Sobre a condução do governo Jair Bolsonaro na pandemia da Covid-19, na questão da vacinação e no caos em Manaus, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse, nesta terça-feira (19/1), a jornalistas: “Isso tudo vai nos levar a uma grande investigação de uma CPI um pouco mais na frente”.

Últimas notícias