metropoles.com

Paciente sofre queimaduras graves após superaquecimento da maca em MT

Homem entrou no centro cirúrgico para cirurgia no nariz, porém, saiu com queimaduras de 2º grau nas nádegas e pernas

atualizado

Compartilhar notícia

Arquivo pessoal
imagem colorida paciente sofre queimaduras apos superaquecimento da maca
1 de 1 imagem colorida paciente sofre queimaduras apos superaquecimento da maca - Foto: Arquivo pessoal

O auxiliar mecânico Jessé Aparecido Barbosa, de 36 anos, deu entrada no centro cirúrgico de uma clínica particular de Sorriso, a cerca de 420 km de Cuiabá (MT), para um procedimento cirúrgico no nariz. No entanto, ele sofreu graves queimaduras de segunda grau nas nádegas e nas pernas, após um superaquecimento da maca. 

O procedimento aconteceu no dia 20 de dezembro de 2023, em uma clínica particular, via Consórcio Intermunicipal de Saúde. De acordo com o paciente, ele aguardava pela cirurgia para correção de desvio de septo desde 2021, e conseguiu a vaga pelo Sistema Único de Saúde (SUS), agendado pela Central de Vagas do Município de Sorriso.

0

Queimaduras graves

Jessé foi para a sala de cirurgia e, minutos depois, disse à enfermeira que a cama estava esquentando, mas, segundo ele, a profissional respondeu que era normal. Em seguida, ele foi sedado e o anestesista informou que ele dormiria durante o procedimento. Ao acordar, a equipe disse que ele tinha sofrido uma queimadura e que já estavam tomando providências.

“Sinto dores e estou sem poder trabalhar e pagar as contas, pois sou comissionado e, nesse caso, só recebo o valor que está na carteira e isso não dá para pagar as contas. Já vendi minha moto, estou vendendo uma betoneira. Vou procurar meus direitos para que eles paguem pelo dano que me causaram”, disse ele ao portal G1.

Ainda de acordo com o paciente, a clínica ofereceu uma cirurgia plástica no nariz “como forma de compensar o dano causado”. Segundo Jessé, em um primeiro momento, ele teria aceitado a proposta, mas repensou e desistiu. Depois de disso, o hospital, segundo ele, não quis continuar fazendo os curativos no ferimento.

Em nota, a clínica que realizou a cirurgia informou que foi identificado “inconsistência mecânica no equipamento de controle da temperatura” e, por isso, não acusou divergência no painel de controle.

A Secretaria Municipal de Saúde, também por meio de nota, informou que está à disposição do paciente e da família para ações que possibilitem o pronto restabelecimento do paciente.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?