Mendonça entrega cópia de “dossiê antifascista” a comissão do Congresso

O Ministério da Justiça informou que foram entregues "informações e documentos necessários para o controle e fiscalização"

atualizado 11/08/2020 19:41

Igo Estrela/Metrópoles

O Ministério da Justiça e Segurança Pública informou, em nota divulgada nesta terça-feira (11/8), que entregou à Comissão Mista de Controle das Atividades de Inteligência do Congresso Nacional informações e documentos sobre o “dossiê antifascista“.

Na última sexta-feira (7/8), em reunião com deputados e senadores da comissão, o ministro André Mendonça prometeu entregar aos parlamentares o relatório sigiloso sobre 579 servidores públicos da área de segurança identificados como  opositores do governo Jair Bolsonaro.

Após a revelação da existência do documento, Mendonça determinou a abertura de uma sindicância para apurar as circunstâncias da elaboração do relatório. Ele também substituiu o então diretor do órgão responsável, Gilson Liborio.

Na nota, o Ministério da Justiça diz que, na reunião com os parlamentares, André Mendonça respondeu a todas as perguntas e esclareceu todas as atividades da Diretoria de Inteligência da Secretaria de Operações Integradas (Seopi), órgão que teria produzido o suposto dossiê.

Na manifestação consta ainda que o ministério pediu à Polícia Federal a instauração de um inquérito policial apurar “vazamentos de informações e conteúdos de documentos relacionados à atividade de inteligência”.

0

 

Últimas notícias