STF: Fux testa positivo para Covid-19 e ficará isolado por 10 dias

A suspeita é de que o presidente do Supremo tenha contraído o coronavírus em um almoço de família, no último sábado

atualizado 14/09/2020 16:43

Cerimônia posse do ministro Luiz Fux na presidência do Supremo Tribunal Federal STFIgo Estrela/Metrópoles

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, testou positivo para o novo coronavírus. Ele precisará ficar isolado após manter contato com alguém que tenha sido infectado pela Covid-19. A informação foi confirmada pela assessoria da Presidência da Corte.

Fux foi ao hospital no Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (14/9), depois de sentir febre. Lá, ele descobriu que está com Covid-19.

A suspeita é de que o ministro tenha contraído o novo coronavírus em almoço de confraternização familiar, no último sábado (12/9).

Após o diagnóstico, o ministro seguirá os protocolos de saúde e ficará em isolamento pelos próximos 10 dias.

Segundo a assessoria, Fux vai presidir as sessões do STF da casa dele, no Rio de Janeiro, por videoconferência.

Posse

Na última quinta-feira (10/9), o ministro participou da cerimônia de posse como novo presidente do Supremo. Na ocasião, estavam presentes ministros, o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP), e o procurador-geral da República, Augusto Aras.

0

 

Últimas notícias