Dono de arma usada por menina para matar amiga é multado em R$ 2,5 mil

Em setembro, uma menina de 12 anos usou a arma do tio para matar a amiga, de 13, com um tiro na nuca. Caso aconteceu em Taubaté (SP)

atualizado 24/11/2022 16:49

foto colorida de menina de 13 anos morta Reprodução/Correio do Interior

O agente penitenciário dono da arma utilizada por uma garota de 12 anos para matar a amiga, de 13, em Taubaté (SP), foi multado pelo Ministério Público do estado (MP-SP) em R$ 2,5 mil. O homem é tio da autora do crime, que pegou a pistola calibre 380 na casa dele no domingo anterior ao assassinato.

Para o MP, o homem deveria ter adotado medidas necessárias para impedir que a sobrinha tivesse acesso à arma. O valor foi aceito pelo agente, e será doado à instituições de caridade no município.

O caso aconteceu em 27 de setembro, na casa de Ana Lívia, a vítima de 13 anos. A autora, de 12, matou-a com um tiro na nuca. O corpo foi encontrado sem vida horas depois, e a atiradora confessou o crime.

À Polícia Civil, a menina alegou ter tido um desentendimento com a vítima. Ela foi apreendida e, conforme determinação da Justiça, terá que cumprir medida socioeducativa por tempo indeterminado.

Mais lidas
Últimas notícias