*
 

O goleiro reserva da Chapeconese, Jackson Follmann, precisou ter uma perna amputada após o acidente com o avião que levava os jogadores do time para Medellín, na Colômbia, onde a equipe disputaria a primeira partida da final Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional nesta quarta-feira (30/11).

A informação foi passada durante o telejornal Bom Dia Brasil. O jogador tem 24 anos. Confira a lista de sobreviventes e passageiros da aeronave. A aeronave transportava 81 pessoas, sendo 72 passageiros e 9 tripulantes, de acordo com a agência da Aeronáutica Civil colombiana.

 

 

COMENTE

ColômbiaChapecoenseCopa Sulamericana
comunicar erro à redação