Garrafas d’água com cristais: desvende a nova tendência do Instagram

Além de serem super "instagramáveis", os itens prometem benefícios à saúde e já conquistaram celebs como Yasmin Brunet e Miranda Kerr

CortesiaCortesia

atualizado 29/05/2019 19:12

Se antes a moda era saborizar a água com frutas e ervas, agora a tendência é energizá-la com cristais. As garrafas d’água com pedras acopladas são a nova aposta do mercado esotérico e já se tornaram febre nas redes sociais.

Além de serem super “instagramáveis” e símbolo de status (cada peça pode chegar a R$ 1320), elas prometem múltiplos benefícios à saúde. Entre as adeptas da boa nova, estão celebs como Yasmin Brunet, Carolina Dieckmann e Miranda Kerr.

De acordo com a terapeuta holística Beatriz Tonelotto, o poder dos cristais na água é conhecido há gerações. “As garrafas com pedras já embutidas só vieram para tornar o processo de ingestão mais simples e comercial”, revela. “A água energizada, conhecida como elixir, harmoniza a energia do corpo por meio da frequência vibracional equilibrada dos cristais e pode ajudar no combate à depressão, na clareza mental e no controle da fadiga”, complementa.

De marcas variadas, as garrafas costumam ser feitas de vidro borossilicato (resistente a altas e baixas temperaturas), aço inoxidável e pedras puras. Os benefícios dependem do tipo de cristal utilizado. Os mais indicados, segundo a especialista, são ametista (combate à insônia), pedra da lua (ajuda nas dores de cabeça e na lucidez mental), quartzo rosa (harmoniza emoções), transparente (atua contra o estresse) e verde (estimula a concentração e a criatividade).

Beatriz ressalta que as pedras próprias para este tipo de uso devem ter lapidação especial. “As que têm fissuras e esfarelam em meio líquido, por exemplo, não são indicadas”, afirma. Ela diz, ainda, que o recomendado é encher a garrafa antes de ir dormir, deixar a água – ou até mesmo um chá – em contato com o cristal durante toda a noite e consumir o líquido no dia seguinte.

Desta forma, a frequência vibracional dos minerais é transmitida por completo para o meio fluido, transformando sua composição química e provocando uma espécie de limpeza nas células do corpo quando ingerida.

A profissional de litoterapia (medicina não convencional que trata sintomas físicos e psíquicos por meio da energia dos cristais) Fernanda Bonotti alerta que o elixir, apesar de tentador, tem contraindicações. “Gestantes, crianças e pessoas que tenham pressão alta ou alguma questão no coração devem consultar um especialista antes de aderirem à tendência”, destaca.

A nutricionista Júlia Rossini, de 32 anos, relata que adquiriu uma garrafa com cristais há cerca de um mês. “Tenho sentido muita diferença. Especialmente no autocontrole de como lidar com certas situações. A ansiedade diminuiu, a qualidade do sono aumentou e passei a sentir uma leveza de modo geral”, declara.

O comunicador Guilherme Maykot, de 24 anos, pagou R$ 347 pelo produto e afirma não ter arrependimentos. “Vale a pena para quem está conectado com o mundo dos cristais ou pelo menos tem um interesse, mesmo que mínimo, em aprender sobre o assunto. Além disso, o produto contribui para a abolição do uso de garrafas plásticas”, opina.

Limpeza
Mayara Tavares, litoterapeuta e sócia-fundadora da Misfit, uma das marcas que oferece a garrafa no Brasil, revela que a limpeza dos cristais deve ser feita de maneira cautelosa, para que eles não percam o potencial de cura.

“As pedras são removíveis do corpo da garrafa e, para não perderem a energia, devem ser lavadas com sal grosso em água doce de 15 em 15 dias. Dependendo do mineral, ainda são indicados banhos de sol”, aconselha. Para lavagens diárias, o sabão neutro é liberado. De acordo com Mayara, as peças não têm prazo de validade.

Para saber mais sobre o poder dos cristais e as pesquisas científicas acerca do tema, clique aqui.

Últimas notícias