Harmonização facial: saiba quanto custa o procedimento da moda

Dermatologista abre o jogo sobre valores (e riscos) dessa intervenção estética

atualizado 08/04/2021 18:13

Reprodução

Grazi Massafera, Alok, Cleo Pires, Gretchen, Bianca Andrade, Kelly Key e Lucas Lucco são apenas algumas das celebridades que se renderam à harmonização facial. Cada vez mais popular entre anônimos e famosos, esse procedimento estético visa, a partir de um conjunto de técnicas, melhorar a aparência do rosto, deixando-o mais jovial e harmônico.

Apesar de tentadora, essa intervenção custa caro e pode trazer riscos à saúde, conforme explica a dermatologista Clarissa Borges. “O preenchimento de ácido hialurônico [usado para minimizar linhas de expressão, atenuar olheiras, melhorar a hidratação da pele e aumentar o volume dos lábios, por exemplo] é a principal técnica da harmonização facial. O valor do procedimento, logo, costuma girar em torno da quantidade de ácido aplicada”, elucida.

Segundo ela, para realmente mudar a feição de um paciente, são necessárias ao menos 10 seringas de ácido hialurônico. “Cada uma contém 1 ml do produto e custa por volta de R$ 1,4 mil”, revela. “Para viabilizar a técnica, alguns profissionais fazem descontos progressivos, de acordo com a qualidade de injeções necessárias”, adiciona.

Portanto, se você quiser fazer mudanças drásticas a partir do procedimento, espere gastar cerca de R$ 10 mil. Para ajustes leves, o custo aproximado é de R$ 3,5 mil.

0

Sobre os riscos da técnica, a médica alerta. “Sou a favor da harmonização, mas contra o excesso dela. O exagero tende a deixar todos os pacientes com o mesmo padrão de rosto, o que é lamentável. Também vale ressaltar que a aplicação de doses altas de ácido hialurônico pode desencadear reações inflamatórias e alérgicas”, pontua. Ela relata que há médicos que aplicam de 15 a 20 seringas de uma só vez.

Por isso, Clarissa recomenda escolher um profissional de confiança para evitar resultados indesejados/exagerados e reações adversas.

O tempo é outro fator a ser levado em consideração antes de se submeter ao procedimento. “O preenchimento de ácido hialurônico traz efeitos imediatos. No entanto, para colher resultados extremamente positivos da harmonização, geralmente é preciso voltar ao consultório algumas vezes, para fazer retorques e ajustes, ao longo de aproximadamente um ano”, diz Clarissa. Ou seja: se quiser fazer a intervenção para estar mais bonita no dia do seu casamento, por exemplo, procure um dermatologista o quanto antes.

Ainda vale ressaltar que a ação média do ácido hialurônico é de 18 meses.

Desarmonização facial

Recentemente, o cantor Lucas Lucco optou por reverter sua harmonização facial após não curtir muito o resultado do procedimento. Em casos como o dele, de acordo com a dermatologista, é preciso aplicar, também no rosto, uma enzima para dissolver o ácido hialurônico.

Lucas Lucco optou por remover o procedimento

“Eu, particularmente, não cobro nada dos meus pacientes para fazer essa remoção. No entanto, se novas pessoas me procurarem para remover o produto aplicado por outro profissional, há, sim, uma taxa”, revela.

Clarissa diz que o custo da remoção, que não tem resultados 100% garantidos, pode sair mais caro que a própria aplicação.

“Reparos tendem a ser mais delicados e, por isso, mais caros”, finaliza.

Últimas notícias