metropoles.com

Ressaca ou Covid? Aprenda a diferenciar os sintomas das duas condições

Festas de fim de ano em meio à pandemia podem causar confusão. Entenda as diferenças entre a ressaca e a infecção pelo coronavírus

atualizado

Compartilhar notícia

Matheus Veloso/Especial Metrópoles
imagem colorida que mostra uma festa
1 de 1 imagem colorida que mostra uma festa - Foto: Matheus Veloso/Especial Metrópoles

Durante as festas de fim de ano, com as muitas confraternizações e encontros com amigos e familiares, o abuso de álcool é muito comum e, com ele, vem a ressaca. Porém, em tempos de pandemia e com a chegada da variante Ômicron no Brasil, é fácil confundir os sintomas da bebedeira com os da Covid-19.

Os sinais da ressaca são conhecidos: fraqueza, dor de cabeça, dor no corpo e na garganta são comuns em quem bebeu demais na noite anterior. As consequências da bebedeira são causadas basicamente pela desidratação por conta do álcool e a tentativa do organismo de se recuperar da toxicidade da bebida.

os sintomas da variante Delta, a mais prevalente no Brasil no momento, são nariz escorrendo, dor de garganta, fadiga e dor muscular. A Ômicron, que vai se espalhando no mundo, causa sinais semelhantes, incluindo perda de apetite e espirros. Em vacinados, as novas cepas parecem causar uma doença semelhante à gripe comum.

0

O médico inglês Adam Caputa ensina que a principal diferença entre a ressaca e a Covid-19 é o tempo dos sintomas. As consequências do abuso de álcool costumam passar em 24h, e vão melhorando ao longo do dia. Já na infecção pelo coronavírus, a tendência é perceber um agravamento dos sinais da doença antes do alívio.

“Se o descanso e alimentação melhoram os sintomas, provavelmente não é Covid”, afirma o médico, em entrevista ao jornal The Sun. Ele aconselha o indivíduo em dúvida a prestar atenção no próprio corpo, e tentar comparar os sinais com ressacas do passado. Caso sejam diferentes, a recomendação é fazer um teste, principalmente se aparecerem sintomas como febre e tosse.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comSaúde

Você quer ficar por dentro das notícias de saúde mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações