GDF vai consertar escadas rolantes da Rodoviária do Plano

Serviço, que será executado pela Novacap, custará R$ 1,8 milhão e terá início na segunda-feira (27/01/2020)

atualizado 24/01/2020 9:26

Jacqueline Lisboa/Especial para o Metrópoles

O Governo do Distrito Federal (GDF) vai começar as obras de conserto das escadas rolantes e elevadores da Rodoviária de Brasília na segunda-feira (27/01/2020). O serviço custará R$ 1,8 milhão. A previsão de conclusão dos reparos é de 90 dias. O contrato prevê serviço de manutenção por um ano.

“É um contrato diferente. Vão consertar tudo, inclusive vão garantir a manutenção e reposição de peças. Para não ocorrer mais o que ocorreu no passado”, assinalou o presidente da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), Candido Teles.

A empresa contratada vai deixar um técnico à disposição da Rodoviária para resolver qualquer problema com elevadores e escadas. Segundo Teles, as obras de reparo vão priorizar os elevadores para garantir o deslocamento de cadeirantes e idosos no terminal.

A Rodoviária passou por uma série de reparos estruturantes desde 2019. Após o conserto das escadas e elevadores, Teles acredita que ela estará em plenas condições para ser concedida dentro de uma parceria público-privada (PPP).

O contrato e a ordem de serviço das obras de reparo e manutenção serão assinados nesta sexta-feira (24/01/2020).

O serviço será executado após decisão da Justiça, de ordenar que o GDF apresentasse projeto de manutenção e reparação das estruturas de acessibilidade do terminal por onde passam, diariamente, 700 mil pessoas.

Últimas notícias