Bastidores da televisão, notícias da sua novela preferida e entrevistas com os principais atores

“Atendi a um chamado de socorro”, diz Marjorie Estiano sobre Império

A atriz precisou voltar correndo para a novela para reviver Cora, após problemas com Drica Moraes

atualizado 29/07/2021 17:58

José Alfredo (Alexandre Nero) e Cora (Marjorie Estiano) em ImpérioRede Globo/Divulgação

O “rejuvenescimento” da vilã Cora em Império está prestes a acontecer. Interpretada por Drica Moraes desde o início da segunda fase da trama, a personagem voltará a ser vivida por Marjorie Estiano, que já a havia desempenhado o papel no começo da obra.

Na exibição original de Império, o retorno da protagonista de A Vida da Gente ao papel de Cora aconteceu no capítulo de número 120, transmitido em 6 de dezembro de 2014. Já na atual reapresentação, a sequência está prevista para ir ao ar entre os dias 2 e 3 agosto, nos episódios 97 e 98.

A mudança de intérprete da vilã será vista pelo público no momento em que José Alfredo (Alexandre Nero) for encontrá-la em um quarto de hotel, onde lhe prometeu uma noite de amor. Lá, o marido de Maria Marta (Lília Cabral) ficará estarrecido ao encontrar a tia de Cristina (Leandra Leal) com a aparência de 30 anos atrás.

0

“Que merda está acontecendo aqui? Eu fiz uma viagem no tempo? Passei na porta e voltei com 22 anos?“, pergunta o Comendador, sem acreditar no que vê. “Coisas estranhas acontecem“, responde Cora, misteriosa. “Que brincadeira é essa? Quem é você?“, insiste o ricaço, começando a se preocupar.

“Eu sou quem sempre te amou! Se guardou pra você!“, responde a irmã de Eliane (Vanessa Giácomo / Malu Galli). José Alfredo, então, conclui que tudo só pode ser uma brincadeira da vilã e começa a procurar a ‘verdadeira’ Cora pelo quarto. A moça que o recebeu, porém, garante que é, sim, Cora.

“Ela sou eu! Rejuvenescida! Por você! Exatamente como antes, lembra? Agora chega, José Alfredo! Vamos passar por cima desse detalhe sórdido que a gente tem tarefa mais importante, grandiosa! A nossa noite de amor!“, recorda a (agora outra vez) jovem.

Um chamado de socorro

Há sete anos, Marjorie Estiano recebia uma ligação urgente que marcaria sua carreira. O desafio era enorme: gravar, já no dia seguinte, importantes sequências de Cora em Império. Até aquele momento, a vilã era interpretada por Drica Moraes, que precisou se afastar do trabalho por motivos de saúde.

“Fui atender a um chamado de socorro”, define Marjorie, que volta à trama na próxima semana. Em entrevista ao podcast Novela das 9, ela conta que, diante da urgência, não havia tempo para uma preparação mais robusta. A solução encontrada pela atriz foi rememorar os estudos feitos meses antes, quando deu vida à ainda jovem Cora na primeira fase da obra de Aguinaldo Silva.

“A apreensão foi uma das coisas de todas as coisas que apareceram nesse momento. Eu estava muito distante da novela, afetivamente, racionalmente… tinha acabado de lançar um álbum que era importantíssimo para mim – o primeiro álbum autoral e independente. E de repente eu sou chamada para essa emergência. Fui atender a um chamado de socorro, para no dia seguinte estar gravando um monólogo que dizia respeito ao grande momento da personagem, encontrando o José Alfredo (Alexandre Nero), que era o objeto de desejo da Cora. Foi com muita surpresa”, conta.

Últimas notícias