com Rebeca Ligabue, Hebert Madeira e Sabrina Pessoa

Samsung lança “guarda-roupa” que elimina coronavírus das peças

O aparelho usa ar, vapor e calor para esterilizar os itens. Equipamento promete eliminar até 99,9% de germes

atualizado 28/01/2020 18:12

Samsung Newsroom/Divulgação

Imagine uma espécie de guarda-roupa tecnológico que executa funções de uma máquina de lavar. E o melhor: sem barulhos incômodos. Essa é a nova aposta da Samsung lançada em alguns países na última semana. O AirDresser usa ar, vapor e calor para remover poeira, esterilizar, desodorizar e desamassar as peças, deixando-as prontas para o uso. “É a maneira perfeita de refrescar a roupa entre as lavagens”, promete a fabricante coreana.

Vem comigo saber os detalhes!

Segundo a Samsung Electronics, o objetivo é dar mais liberdade e tempo aos consumidores. Para deixar o “guarda-roupa” trabalhar, basta pendurar até três peças nos cabides e iniciar o ciclo. Dessa forma, elas precisarão passar pela lavadora convencional com menos frequência, permitindo uma vida útil maior.

E a novidade não para por aí, o aparelho também pode ser utilizado para esterilizar uma variedade de peças domésticas, incluindo roupas de cama, toalhas e brinquedos macios, como ursos de pelúcia. Os ciclos economizam mais água do que o processo completo das lavadoras. O líquido é armazenado em recipientes portáteis na parte inferior do equipamento.

“O AirDresser é a resposta da Samsung à demanda do consumidor por desempenho mais dinâmico, mesmo dos aparelhos básicos, fornecendo solução doméstica fácil e eficaz para atender às suas necessidades de roupas limpas que cheirem a frescor, livres de germes e com um aspecto elegante”, disse a vice-presidente de negócios de aparelhos digitais da marca, Jennifer Song.

Além de ser prático e funcional, o AirDresser tem um design moderno e é supercompacto. O mecanismo também pode ser colocado em diferentes lugares da casa, incluindo quartos, tendo em vista que não precisa de sistema de encanamento e faz ruídos e vibrações mínimas enquanto funciona. Para a noite, inclusive, tem um modo ainda mais silencioso.

Samsung Newsroom/Divulgação
O AirDresser é a aposta da Samsung para manter as roupas frescas e higienizadas entre as lavagens convencionais

 

Samsung UK/Reprodução
Lançado em alguns países na última quinta-feira (23/01/2020), o aparelho utiliza ar, vapor e calor para remover poeira, germes e odor das peças de roupa

 

Samsung Newsroom/Divulgação
O mecanismo é compacto e pode, inclusive, ser encaixado em closets e armários

 

Samsung UK/Reprodução
Quando saem do AirDresser, as peças dispensam o ferro de passar

 

Photo by Bianca Jordan on Unsplash
Os ciclos do aparelho economizam mais água do que as máquinas de lavar convencionais, sem falar na economiza de produtos de limpeza

 

Photo by Sarah Brown on Unsplash
Além do mais, ajuda a conservar as peças, uma vez que máquinas podem desbotar e danificar os tecidos a longo prazo

 

Durante os ciclos de funcionamento, a máquina utiliza vários recursos interessantes. Os três cabides incluem sistemas de jato de ar que removem a poeira. Em seguida, um jato de vapor se encarrega de eliminar substâncias nocivas, bactérias, alérgenos e vírus; incluindo gripes, herpes, adenovírus e coronavírus, com 99,9% de eficácia. Segundo os testes, os ácaros domésticos são 100% eliminados.

A função “filtro desodorizante” é a responsável por quebrar as partículas que causam mau cheiro, normalmente provocadas por suor, tabaco e comida. Dessa forma, impede também que o odor fique acumulado no interior do equipamento, que conta inclusive com uma tecnologia de autolimpeza. A cada 40 ciclos, o aparelho avisa o dono quando a função deve ser acionada.

O processo de secagem é suave e acontece por meio de uma bomba de calor, mas com temperatura baixa. Além de minimizar danos, como encolhimento, deixa o tecido relaxado, dispensando o ferro de passar. Muitas dessas tecnologias já eram utilizadas em outros eletrodomésticos da Samsung.

Têxteis que precisam de cuidados profissionais, como peles e couros, também podem ser higienizados no AirDresser. A tecnologia facilita o armazenamento das roupas até fora do utensílio, já que inclui um recurso que retira a umidade do cômodo e devolve na forma de ar seco, quando está com a porta aberta.

Samsung UK/Reprodução
Os coronavírus, cujo um novo tipo tem matado dezenas de pessoas na China nos últimos dias, estão entre os germes que o lançamento da Samsung promete eliminar

 

Samsung UK/Reprodução
A proposta é de roupas frescas e limpas após o ciclo

 

Samsung UK/Reprodução
Quando a porta está aberta, elimina também a umidade ao redor

 

Samsung UK/Reprodução
O fechamento do aparelho é suave e silencioso

 

Samsung UK/Reprodução
A inteligência artificial também faz parte do processo: por meio do aplicativo SmartThing, é possível controlar o aparelho remotamente. Algo parecido com um produto similar, comercializado pela LG antes do “guarda-roupa” da Samsung

 

A marca coreana oferece ainda alguns recursos de inteligência artificial para ajudar o consumidor, por meio do aplicativo SmartThings. Entre eles, uma ferramenta que armazena informações sobre as roupas e sugere o ciclo mais adequado para higienizar cada item. O processo pode ser controlado remotamente pelo smartphone.

 

O lançamento está disponível em alguns países, como no Reino Unido, desde a última quinta-feira (23/02/2020). Por lá, o valor gira em torno de 2 mil libras, o equivalente a cerca de R$ 10 mil. No e-commerce britânico, o aparelho já tem duas reviews, ambas positivas. Por enquanto, o AirDresser não está à disposição no site brasileiro. Na Coreia do Sul, foi lançado em 2018.

Não é a primeira vez que uma empresa de tecnologia investe na ideia. Concorrente da Samsung, a também coreana LG foi pioneira em colocar no mercado um aparelho bem parecido. A Xiaomi tem um varal inteligente com funções que se assemelham ao sistema de secagem do AirDresser.

 

Colaborou Hebert Madeira

Últimas notícias