A “guerra dos streamings” democratizou as transmissões do futebol  

O Cariocão, que será transmitido pela Record na TV aberta, abre espaço até para o streamer Casimiro, que também adquiriu os direitos

atualizado 23/01/2022 16:48

Reprodução, Tenor Gifs

Uma novidade anunciada neste domingo: o Streamer Casimiro adquiriu o direito de transmissão de 16 jogos do Cariocão 22, incluindo o primeiro Fla-Flu do ano, que será realizado dia 6 de fevereiro.

Durante a semana, já sabíamos do interesse de Ronaldo Fenômeno, em seu canal no Twitch – um serviço de streaming de vídeo ao vivo – que também estaria negociando com a Sportsview para ter os mesmos direitos no Rio.

É a “guerra dos streamings” que chegou para democratizar as transmissões do futebol brasileiro. O Cariocão, que começa na próxima terça-feira (25/1) será exibido em TV aberta pela Record Rio, dona dos direitos de transmissão do Estadual. 

Haverá ainda as opções para os telespectadores das TVs fechadas (Net, SKY e Vivo), que – a exemplo do que aconteceu em 2021 – estão autorizadas a transmitir os 78 jogos da competição, bem como por meio do sistema de pay-per-view que será disponibilizado pela FERJ.

O fato é que as transmissões de futebol jamais serão as mesmas. Não haverá mais o monopólio de um determinado grupo de mídia, como estávamos acostumados a ver nas últimas décadas.

 Essa mudança se deve muito aos avanços tecnológicos, mas, sobretudo, pelo novo padrão de consumo das novas gerações com o futebol e o entretenimento na TV.

A novidade, que chegou para ficar, vai possibilitar que o público escolha os narradores e comentaristas que preferir, além de facilitar a portabilidade, podendo assistir aos jogos em qualquer lugar, inclusive pelo aparelho de celular.

Para acompanhar as atualizações da coluna, siga o “Futebol Etc” no Twitter; e também no Instagram.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Mais lidas
Últimas notícias