“Filho maravilhoso”: Eduardo Bolsonaro festeja foto em livro de Trump

Filho do presidente da República ficou feliz por ser citado em livro de memórias do ex-presidente norte-americano, a quem elogiou muito

atualizado 27/12/2021 22:49

eduardo bolsonaro com livro de donald trumpReprodução/Redes sociais

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) celebrou nas redes sociais na noite desta segunda-feira (27/12) aparecer e ser citado em um livro de fotos e memórias recém lançado pelo ex-presidente norte-americano Donald Trump. Na obra, que tem o título de Our Journey Together (Nossa Jornada Juntos, em português), há uma foto de Eduardo em uma mesa onde estão também Trump, o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ex-ministro Ernesto Araújo. Na legenda, o parlamentar é chamado de “wonderful son” (filho maravilhoso) de Bolsonaro, que recebe o tratamento de “my great friend” (meu grande amigo) do ex-chefe de Estado dos EUA.

Nos registros mostrados por Eduardo Bolsonaro, há ainda uma foto só de Trump e Bolsonaro, de quando o presidente brasileiro visitou o colega americano em março de 2021, em um resort na Flórida. “O presidente Bolsonaro luta tão DURO pelo Brasil, ele ama seu país e seu povo”, diz a legenda, em inglês.

Trump lançou seu livro com memórias da presidência após deixar o cargo. A publicação ignorou editoras tradicionais e foi feita por uma empresa recém criada pelo filho do ex presidente, Donald Trump Júnior, com o editor Sergio Gor (que aparece na foto com Eduardo Bolsonaro). Uma edição custa, nos EUA, U$ 74,99 (R$ 422). Se for uma edição autografada pelo ex-presidente, o preço sobe para US$ 229,99 (R$ 1.293).

Veja os registros divulgados por Eduardo Bolsonaro:

0

Em sua postagem, Eduardo disse sentir “satisfação ser citado no novo livro do presidente Trump ao lado de meu pai e ser mencionado como filho maravilhoso”. Em uma série de postagens, ele aproveitou para reafirmar sua admiração pelo ex-presidente dos EUA.

“Vejo muitas semelhantes entre ambos os governos [de Trump e do pai], como a redução de impostos, trabalho pelo direito da população exercer sua legítima defesa através de armas, o respeito à liberdade religiosa, gratidão pelo trabalho de militares e policiais e muitos mais”, escreveu o filho de Bolsonaro. “Além disso, posso dizer que Trump e meu pai têm também muito em comum em suas personalidades. São pessoas corajosas, que não se ajoelham para a patrulha do politicamente correto, são líderes natos, ideais para o combate atual em prol das liberdades”, concluiu Eduardo Bolsonaro.

Mais lidas
Últimas notícias