Flordelis mostra tornozeleira e canta: “Isso não comprova nada”. Veja

Deputada federal do PSD-RJ é ré no processo que investiga o homicídio de seu marido, o pastor Anderson do Carmos

atualizado 11/10/2020 19:17

deputada FlordelisRafaela Felicciano/Metrópoles

Acusada de tramar a morte do marido com a ajuda de filhos, a deputada federal pelo PSD-RJ, pastora e cantora Flordelis está em uma campanha nas redes sociais para reafirmar sua inocência.

Em live neste domingo (11/10) em um evento religioso, Flordelis mostrou a tornozeleira eletrônica que está sendo obrigada a usar e cantou que “o sonho não morreu” e que “isso não comprova nada”, pedindo a quem filmava para mostrar o equipamento de monitoramento.

A parlamentar não pode sair de casa à noite e só não foi presa junto com outros réus porque tem imunidade parlamentar. Deputados federais só podem ser presos em flagrante ou com condenação definitiva.

Veja as cenas:

Após colocar tornozeleira eletrônica na última sexta (9/10), a deputada realizou uma transmissão na qual citou passagens bíblicas, cantou, pediu apoio e falou do marido, pastor Anderson do Carmo.

“A volta por cima vai chegar. Só queria dar uma satisfação a vocês. Continue me apoiando, quem está apoiando. Continue orando por mim, que está orando. Já já Deus vai mudar o quadro e a situação, Deus vai coloca o que está fora do lugar, no lugar. Meu Deus é grande. Não tem legião do inferno que prevaleça sobre o poderio desse Deus. Na hora que ele mandar satanás recuar, ele vai recuar de uma vez por todas”, disse Flordelis, em vídeo de 29 minutos publicado no Instagram.

0

 

Últimas notícias