Ex-foragida, mulher de Queiroz vai para casa cumprir prisão domiciliar

O casal já está junto novamente na residência na Taquara, no Rio. Ambos estão usando tornozeleiras eletrônicas e serão monitorados

Reprodução/Redes sociais

atualizado 11/07/2020 11:46

A esposa de Fabrício Queiroz, Márcia Aguiar, já está em casa para cumprir prisão domiciliar com o marido. A informação foi confirmada, na manhã deste sábado (11/7), pelo advogado de defesa do casal, Paulo Emílio Catta Preta.

Márcia ficou foragida por três semanas. Ela se entregou após o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) João Otávio de Noronha conceder prisão domiciliar aos dois.

Até o momento, porém, ela ainda não foi até a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) para passar pelos trâmites e colocar tornozeleira eletrônica. A Seap, porém, já teria sido avisada, informa a defesa.

Ex-assessor parlamentar do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ),  Queiroz deixou o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na zona oeste do Rio, na noite de sexta-feira (10/7).

Detido desde 18 de junho, ele agora cumprirá prisão domiciliar com a esposa.

Queiroz saiu do presídio a pé, às 21h49, usando máscara de proteção. Um carro preto o aguardava em frente à portaria e ele entrou rapidamente, tentando se esconder da imprensa. O carro arrancou em alta velocidade.

A transferência da penitenciária para sua casa no Rio foi determinada nessa quinta-feira (9/7), pelo presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha, que estendeu o benefício também à mulher de Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar.

0

 

 

Últimas notícias