Embaixada da França faz homenagem a vítimas de terrorismo

País adotou 11 de março como data oficial para honrar memória dos mortos em ataques violentos, com propósitos políticos, contra civis

atualizado 11/03/2020 18:10

Solenidade na Embaixada da França em Brasília, em 11 de março de 2020, Dia Nacional de Homenagem às Vítimas do TerrorismoEmbaixada da França em Brasília

A Embaixada da França em Brasília realizou nesta quarta-feira (11/03) uma cerimônia de homenagem a vítimas de terrorismo em todo o mundo. A data foi escolhida em memória dos mortos do ataque realizados em Madri em 11 de março de 2004, quando morreram 193 pessoas.

O atentado foi praticado por uma célula da rede Al Qaeda. Na ocasião, a organização terrorista explodiu bombas no serviço de trens da capital espanhola. Os ataques mais violentos foram contra a estação de Atocha.

A partir deste ano, 11 de março passa a ser conhecido na França como Dia Nacional de Homenagem às Vítimas do Terrorismo, com solenidades sobre o tema em todas as representações do país no mundo. “Este dia é a prova de que os terroristas falharam em destruir a promessa republicana”, afirmou o encarregado de negócios da embaixada, Gilles Pecassou.

Na cerimônia, também discursou o embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez (foto). “Apoiar as vítimas do terrorismo é uma das maneiras de honrar a nossa responsabilidade de defender seus direitos e a nossa humanidade comum”, afirmou o diplomata.

Últimas notícias