Covaxin: documento dito falso está em sistema do Ministério da Saúde

Onyx e Élcio Franco contestam documento apresentado pelos irmãos Miranda, que é idêntico ao que consta no sistema do Ministério da Saúde

atualizado 24/06/2021 23:16

Onyx LorenzoniRafaela Felicciano/Metrópoles

O servidor do Ministério da Saúde Luis Ricardo Miranda e seu irmão, o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF), apresentaram cópia da fatura de importação da compra da Covaxin, em denúncia ao governo. 

Em pronunciamento no Palácio do Planalto, o ministro Onyx Lorenzoni, da Secretaria-Geral da Presidência, e o ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde Élcio Franco, questionaram a veracidade do documento. Com base nisso, pediram uma investigação para Polícia Federal, a Procuradoria-Geral da República e a Controladoria-Geral da União (CGU).

A fatura, obtida pelo o Globo ,no entanto, é idêntica a que está disponível no sistema do Ministério da Saúde e pode ser acessado por membros do governo.

Veja:

 

Mais lidas
Últimas notícias