Rebeca Oliveira

Preciso parar de beber para emagrecer?

Vinhos, cervejas e afins, além de serem ricos em calorias, não são recomendados a quem faz dieta, por causarem o desejo de petiscar alguns quitutes, como queijos e batatas fritas

Mas será que é preciso se despedir dos “bons drinks” para perder aqueles quilinhos extras? 

Nem sempre

"Qualquer alimento ou bebida pode ser incorporado a uma dieta saudável", disse o nutricionista Alix Turoff, ao site Insider. Ele explica, no entanto, que é necessário fazer algumas concessões para “secar” 

Quais seriam elas?

No dia em que for beber, consuma menos energia do que vai gastar. Uma taça de vinho, por exemplo, tem 228 calorias. Se você decidiu se permitir tomar a bebida, deve, antes, organizar a dieta e ser mais seletivo com o que come durante o dia 

Escolha opções menos calóricas 

Troque bebidas mais calóricas por alternativas como gim e vodca. Turoff aconselha adicionar bastante gelo, à medida que for degustando. Isso faz com que elas durem mais tempo. Fuja de drinques com leite condensado e xaropes ricos em açúcar 

Complemente com itens naturais

Fazer um drink com ingredientes naturais, como pepinos, hortelã e gengibre frescos, também é uma dica de Alix Turoff. Se quiser, coloque também algum refrigerante ou tônica diets, que aumentam o volume sem acrescentar tantas calorias 

Cuidado com
os petiscos!

Ao mesmo site, o personal trainer Ben Carpenter contou que pessoas que bebem uma taça de vinho antes do almoço comem até 25% mais do que as que não têm esse hábito. Tome cuidado com os petiscos e com o que irá ingerir depois de beber 

No dia seguinte, volte
a dieta e seja feliz 

Segundo Carpenter, uma ingestão baixa e com moderação não é capaz de interferir nos resultados de perda de massa muscular ou ganho de gordura. A longo prazo, basta seguir os conselhos acima e ser feliz com o que te traz bem-estar

TEXTO:
Rebeca Oliveira

IMAGENS:
Pixabay / Giphy