Saiba por que a rainha-mãe deixou herança maior para Harry

Ao todo, a bisavó dos príncipes Harry e William destinou 14 milhões de libras aos dois

atualizado 02/04/2021 17:36

rainha-mãe e membros da realeza britânica Sion Touhig/Getty Images

Mãe da rainha Elizabeth II, Elizabeth Angela Marguerite Bowes-Lyon, conhecida como rainha-mãe, foi estratégica na hora de fazer seu testamento. Morta aos 101 anos, em 2002, ela deixou uma herança mais polpuda para o bisneto Harry do que para William.

Segundo a BBC, o motivo por trás da decisão foi simples: William será rei e terá mais benefícios financeiros por isso. Ele é o segundo na linha de sucessão ao trono britânico, atrás apenas do pai, o príncipe Charles. Harry, depois do nascimento dos sobrinhos George, Charlotte e Louis, caiu para a sexta posição.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

A rainha-mãe separou 14 milhões de libras para os dois bisnetos. Apesar de Harry ter ganhado mais, não foi explicitado quanto. O montante, no entanto, de certo ajudou o caçula a se mudar com Meghan Markle e o filho deles, o pequeno Archie, para os Estados Unidos, após o casal decidir abrir mão dos cargos de alto escalão da monarquia.

Ela ainda deixou uma fortuna estimada em 70 milhões de libras em joias e obras de arte. Elizabeth II ficou com boa parte dos pertences e doou algumas peças importantes ao Royal Collection, responsável por exposições nas muitas residências oficiais da realeza.

Mais lidas
Últimas notícias